O Mentiroso (1988)

Brasil (RS-RJ)
Longa-metragem | Ficção
35 mm, cor, 101 min

Direção: Werner Schünemann.
Companhia produtora: Um Produções; Casa de Cinema de Porto Alegre; Embrafilme Empresa Brasileira de Filmes S.A.

Primeira exibição: Porto Alegre (RS), Avenida, 25 maio 1988, qua (pré-estreia)

 

Vendido como uma comédia de costumes que satiriza a tradição dos road movies norte-americanos, O Mentiroso narra o encontro de quatro pessoas que caem na estrada. Jonas, Ana, Wilson e Kátia saem do Rio Grande do Sul em direção a Santa Catarina, mesmo não tendo muito dinheiro. A viagem até Florianópolis é vista como um processo de busca da liberdade. O problema é que, dentro do grupo, está um mentiroso, que colocará a todos em perigo. As coisas começam a se complicar ainda mais a partir do momento em que a polícia começa a persegui-los. O filme teve um custo de produção estimado entre 350 e 400 mil dólares. É o terceiro longa-metragem dirigido por Werner Schünemann, após Coisa na roda (1982) e Me beija (1984). A fita conta com uma rara participação em longa da grande fotógrafa Rochelle Costi (1961-2022), assinando o figurino com Leila Espellet (também falecida). Rejeitado em Gramado, a produção foi muito bem recebida no Festival de Brasília, conquistando cinco troféus: melhor filme (júri oficial e júri popular), direção, ator (Palomero) e atriz coadjuvante (Felippi). As locações incluíram cidades gaúchas como Tramandaí, Taquara, Sapiranga, São Jerônimo e Viamão, além dos municípios catarinenses de Florianópolis, Tubarão, São José, Gaspar, Blumenau, Brusque e São Francisco do Sul. O roteiro faz referência aos Irmãos Marx, Charles Chaplin e ao cinema mudo. E também dialoga com o thriller, o drama, a aventura – sem falar no surrealismo e no non-sense. Proibido para menores de 14 anos, por possuir "situações de criminalidade".

 

Sinopse


Quatro pessoas (entre elas, um mentiroso), por acaso, caem na estrada. Sem dinheiro e sem convicções, fazem de uma pequena viagem de fim-de-semana o princípio de suas possibilidades de libertação.

Ficha técnica


ELENCO
Angel Palomero (Jonas), Lila Vieira (Katia), Vicente Barcelos (Wilson), Xala Felippi (Ana),
Esther Castro (Compradora de calcinhas / Dona da pensão / Zilda Rogéria / Mulher do armazém / Dona da ferragem / Mulher da boate / Mãe do café),
João Carlos Castanha (Barman da sinuca / Velho da janela / Vigilante gaúcho / Punk do posto / Velho / Terêncio / Vigilante fumanchu / Hippie),
Zeca Kiechaloski (Travesti da sinuca / Vigilante Carlos / Vigilante Casanova / Vigilante catarina / Vigilante Ivan / Vigilante chicano / Vigilante Krishna),
Zé Adão Barbosa (Groucho Marx / Chato da festa), Sergio Eguia (Motorista da Kombi / Capanga 1), Franquito J. B. (Capanga 2), Denise Ovadia (Moradora da pensão / Mulher que chora), Fonso Braz (Chefe do posto / Musicólogo), Iran Mello (Caco), Camila Kiechaloski de Mello (Menina da moita / Menina do parque / Filha no café), Araci Esteves (Compradora de meias), Pilly Calvin (Vendedora de tintas), Betho Mônaco (Vendedor de tintas), Pedro Santos (Vocal da banda), Annie Perec (Organista russa), Verlaine Pretto (Mulher do tapa 1), Lucia Serpa (Mulher do tapa 2),
Everton Wojahn (Mendigo), Ivo Schmiedt (Marido de Carolina), Joana Reis e Silva (Filha de Carolina), Felipe Linhares (Menino da moita), Luciano de Andrade (O Garoto), Edu K (Músico da festa), Polaca (Música da festa), Carlos Eduardo Miranda (Músico da festa), Claudio Garcia (Músico da festa), Leonardo Black (Músico da festa), Inês Pillar (Francesa), Silvia Guimaraes (Francesa), Rosane Novoa (Francesa), Morango (Francesa), Gina Tochetto (Francesa), Marilia Andrade (Francesa), Luiz Fernando Bona (Russo), Rolando Cima (Russo), Luiz Eduardo Oliveira (Russo), João Oliveira (Russo), Alessio 'Marreta' Brunn (Russo), Rubem Eduardo Arais (Russo), Swami Neves (Vigilante), Ricardo Albrecht Junior (Gangster), Antonio Felix Fernandes (Gangster), Werner Schünemann (Gangster), Alex Sernambi (Dark do posto), Leila Espellet (New wave do posto), Luiz Carlos Jamonot (Barman do posto), Alexandre Lopes (Namorado do carro / Caixa do bar), Cao Buck (Lobo).
Participação especial: Paulo José (Augusto), Sérgio Mamberti (Garçon Elvis / Garçon de pijama / Garçonete belga / Recepcionista hindu / Maitre), Patricia Travassos (Carolina).
Vozes adicionais: Luciene Adami, Carlos Reichenbach, Werner Schünemann.

DIREÇÃO
Direção: Werner Schünemann.
Assistência de direção: Giba Assis Brasil, Alex Sernambi.
Continuidade: Ana Luiza Azevedo.

Preparação dos personagens Jonas, Katia, Wilson e Ana: Maria Lucia Raimundo.

ROTEIRO
Argumento: Werner Schünemann.
Roteiro: Angel Palomero, Giba Assis Brasil, Werner Schünemann.

PRODUÇÃO
Produção executiva: Monica Schmiedt.
Direção de produção: Maria Henriqueta Satt, Jaime Del Cueto, José Oliosi Neto.
Assistência de produção: Carla Saueressig, Vera Carpes, Ana Fonte, Lauro Bystronski.
Assistência de produção adicional: Horácio Duarte, Max Haetinger, Henrique de Freitas Lima, Rosi Badinelli, Carla Alves, Marcos Filomena, Jorge Correa.
Assistência de pós-produção: Denise Godinho, Luiz Antonio Marques.
Tráfego: Luciano Paiva Mello, Sergio Lycarião Simões.
Secretaria de produção: Silvana Krampe.
Produção comercial: Carla Saueressig.
Motoristas: Lauro Bystronski, Altamir Leal.

FOTOGRAFIA
Direção de fotografia e operação de câmera: Christian Lesage.
Assistência de câmera: Paulinho Gonçalves, Alceu Silveira.

Eletricista chefe: Carlos Lima Chaves.
Maquinista chefe: David Pinheiro.
Eletricistas e maquinistas: Aureo Rodrigues, Luiz Carlos Dutra, Luiz Carlos Chaves, Toni Carlos.

Fotografia de cena: Zé Lopes.

SOM
Som-guia: Everton Wojahn, Álvaro Magalhaes.
Vídeo: João Guilherme Barone.

ARTE
Direção de arte e cenografia: Fiapo Barth.
Assistência de cenografia: Alexandre Lopes.
Marceneiros: Cláudio Costa, Jorge Costa, Oli Castro, Valdir da Silva Santos.

Efeitos especiais: Paulo Crespo, tenente Castilhos, tenente Azevedo.

Figurino: Rochelle Costi, Leila Espellet.
Assistência de figurino: Viviane Gil.
Costureiras: Odette Zimpeck, Adara.

Maquiagem e caracterização: Luiz Carlos Jamonot.
Maquiagem adicional: Fabio Rodrigues.
Cabelo: Agamenon Oliveira.

MÚSICA
Música composta e dirigida por: David Tygel.
Arranjos e orquestração: Maurício Maestro.
Músicos: Maurício Maestro (baixo, bateria TR505 ESQ-1), Aurea Regina (gaita), Vitor Biglione (guitarra blues e solo), Helio Silva (guitarra rock), Gustavo Schroeter (bateria rock), Paulinho Braga (bateria), Sergio Carvalho (teclados blues), Fernando Moura (teclados rock e sons adicionais), Pedrão (baixo rock), Paulo Steimberg (cítara), Nilton Rodrigues (trompete), Macae (sax tenor).
Produção musical: Zig & Zag Produções Ltda..
Técnico de mixagem: Harley.
Assistência de mixagem: Edyo.

Músicas:
• Tema do navio e pedalinhos (Maurício Maestro)
• "Música de festa" (Carlos Eduardo Miranda, Nei Lisboa)
• "Colégio interno" (Graforreia Xilarmônica)

FINALIZAÇÃO
Montagem: Vera Freire.
Assistência de montagem: Morena Machado.

Edição de som: Hélio Lemos.
Assistência de edição de som: Nena Telles.
Efeitos sonoros: Geraldo José.
Efeitos sonoros adicionais: Cristiano Maciel.
Ruídos de sala: Antonio Cezar.
Técnico de dublagem: Orlando Biani Sobrinho.
Pré-mixagem: Pedro Luiz Siaretta.
Mixagem: José Luiz Sasso.

Créditos: [Arte:] Telmo Lanes.

EQUIPAMENTOS E SERVIÇOS
Película: Kodak Eastmancolor.
Equipamento de filmagem: Roberto Machado; CTAv Centro Técnico Audiovisual / Embrafilme (Rio de Janeiro); APTC/RS-IECINE; Fotograma Produções Cinematográficas, Lynxfilm.
Mesa de montagem: Rob Filmes (Rio de Janeiro).
Laboratório de imagem: Curt & Alex Laboratórios Cinematográficos.
Estúdio de gravação da música: Retoque.
Estúdio de som: Álamo (São Paulo).

MECANISMOS DE FINANCIAMENTO
Companhia produtora: Um Produções [Casa de Cinema de Porto Alegre] (Porto Alegre); Embrafilme Empresa Brasileira de Filmes S.A. (Rio de Janeiro).

AGRADECIMENTOS
Agradecimentos especiais: Governo do Estado de Santa Catarina CITUR, Churrascaria Nova Brescia, Viação Ouro e Prata / Sergio Fleck, Volkswagen do Brasil SA, Hotel Termas do Gravatal, Prefeitura de Tubarão (SC), Samburá Hotéis e Turismo S.A., Restaurante Recanto do Seu Flor, Samrig, Alcan Alumínios do Brasil S.A., Atlântida Hotéis e Turismo, Vinha D'Alho Bar e Restaurante Ltda., Cyro Gewaerd, Renee Bente.
Agradecimentos: Administração Parque Farroupilha, Amadeu Rossi S.A., Amanda I. C., American Bar & Jack, Anselmu Sotica Ltda., Antonio Cabreira, Antonio Carlos Brunet, Arcano 17 / José Neto, Arezzo Gioias, Artec Som, Auto Escola Atlântida, Bar Brutus, Beatriz Kiechaloski, Boate Baturite, Brigada Militar RS, Brigada Militar SC, Bruno Schinke, Carecas da Jamaica, Carlos Eduardo da Rosa, Carlos Grübber, Casa América, Casa dos Bilhares, Casa Genta Acessórios para Automóveis, Casa Lyra, CEEE RS, coronel Derck Chagas Telles, Celesc, Cia. Industrial Schlosser, Ciclo Filmes, Claus Hering e Maria Luiza Renaux Hering, Clube de Cultura, Colégio Anchieta, Colégio Pastor Dohms, Comercial Palmeira, Constancio Maciel, Corpo de Bombeiros de Blumenau (SC), Corpo de Bombeiros de Florianópolis (SC), Cuca Chagas Telles, Danello Indústria e Comércio do Vestuário Ltda., delegado Apolo do Amaral, delegado Silvio Pinto Gomes, Departamento de Armas e Munições da Polícia Civil (Porto Alegre), Dilmar Messias, DNER-RS, DNER-SC, Dudu Guimarães, Ella Einsfeld Gerstl, Estácio Ramos, Ferragem Fischer, Funcionários do Hotel Itaipu (SC), Gauchacar / sr. Lorenti, Gelcy Espellet, Haydée Porto, Helio Mattos Cardoso (Barão), Helio Sperandio, Heron Heinz, Hildegard Saueressig, Hotel Ipanema, Iara Pinos Moraes, Igor & Cia. Ltda., Indústria Brasileira de Infláveis Náutica Ltda., IMEC Instituto Metodista de Educação e Cultura, Irmfried Schmiedt, Ivan Novaes, Ivonete Pinto, JH Santos, João Senott, José Paulo Godke, Júlio Spier, Karin Kramm, Korrigan, Livraria do Globo, Lojas Alfred S.A., Luciano Alabarse, Luis Guilherme e Anneliese Streb, Malhas Raras Confecções Ltda., Mario, Marta Angélica Schertel, Markus e Janine Schlosser, Milka, Moradores do Campo da Tuca, Neide / Penta Prisma, Nelson Sirotsky, Ney Silveira, Nina Coitinho, Osmar de Souza Nunes Filho, OSPA Orquestra Sinfônica de Porto Alegre, Open Mind, Otto Desenhos Animados, Pastor Weber, Paulo Amorim, Paulo Crespo, Pia Chaves Barcellos, Plug / Geraldo Flach, Polícia Estadual de Campo Alegre (SC), Polícia Rodoviária Estadual (RS), Polícia Rodoviária Estadual (SC), Polícia Rodoviária Federal (RS), Polícia Rodoviária Federal (SC), Prefeitura de São Francisco do Sul (SC), Quartel General do Comando Militar do Sul, Raul Rocha, Restaurante Água na Boca, Restaurante Baturite, Restaurante Beira Mar, Restaurante Catarinão, Restaurante Lugar Comum, Restaurante Vegetariano Ilha Natural, Roberto Gervitz, Roberto Henkin, A Rocha, Roda Filmes, Rodoviária de Tramandaí, Romain Lesage, Rosvita Saueressig Laux, Silas Siqueira, Sophie Lesage, Supermercado Real, Supermercado Vitória Ltda., Sylvia Lesage, Teatro Alvaro de Carvalho (Florianópolis, SC), 3º Regimento de Cavalaria de Guarda (Porto Alegre), Tony Rabatoni, Transgala / sr. Nelson Lazari, Tumelero, TVE Piratini, UFRGS, Varig S.A., Vicente Saueressig, Walder Saueressig.

FILMAGENS
Brasil / SC, em cidades como Florianópolis, Tubarão, São José, Gaspar, Blumenau, Brusque, São Francisco do Sul;
Brasil / RS, em cidades como Tramandaí, Taquara, Sapiranga, São Jerônimo, Viamão;
Período: SC: do início de outubro a meados de novembro de 1986; RS: entre novembro de 1986 e janeiro de 1987; filmagens até abril de 1988.

ASPECTOS TÉCNICOS
Duração: 1:41:27 (Sulflix)
Metragem: 2.745 metros
Número de rolos:
Som:
Imagem: cor
Proporção de tela:
Formato de captação: 35 mm
Formatos de exibição: 35 mm

DIVULGAÇÃO
Lobby card: 20,9 x 31 cm, cor. Seis exemplares diferentes na Coleção GPO.
Cartaz: 95 x 65 cm. Exemplar na Cinemateca Brasileira.
Cartazete: 30,1 x 20; no verso, sinopse em inglês, francês e espanhol e 4 fotos para comercialização no Festival de Cannes.
Trailer: 3 min https://www.youtube.com/watch?v=rW8PsoW51-A

PREMIAÇÃO
• 21º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro 1988: melhor filme (ex aequo Memória viva, Octavio Bezerra) + melhor direção (ex aequo Sérgio Bianchi, por Romance) + ator (Palomero) + atriz coadjuvante (Felippi ex aequo Isa Kolpeman, por Romance) // melhor filme (júri popular).
• Troféu Scalp, Porto Alegre, 1989: destaque do ano em cinema.
• Festival Internacional de Cinema de Comédias de Torre Molinos 1991: melhor ator (Palomero).

DISTRIBUIÇÃO
Distribuição: Embrafilme Empresa Brasileira de Filmes S.A. (Rio de Janeiro).

Observações:
• Custo: entre 350 e 400 mil dólares
• Complementação aos créditos: Formação da Graforreia Xilarmônica: Carlo Pianta, Frank Jorge, Alemão, Marcelo Birck.
• Os outros cinco filmes da Mostra Competitiva de Brasília são: Abolição (Zózimo Bulbul), BrasCuba (Santiago Alvarez, Orlando Senna), Memória viva (Octavio Bezerra), Presença de Marisa (John Doo) e Romance (Sergio Bianchi).
• O Mentiroso e Lili, a estrela do crime (Lui Farias) são os concorrentes brasileiros da Mostra Competitiva do FestRio ao lado de: Paris by night (David Hare, GB), No hagas planes con Marga (Rafael Alcazar, ES), El Camino del sur (Juan Bautista Stagnaro, AR), Le Maitre de musique (Gérard Scorbiau, BE), Die Venusfalle (Robert Van Ackeren, DE), Les Portes tournantes (Francis Maniewicz, CA), Trois places pour le 26 (Jacques Demy, FR) e The Year my voice broke (John Duigan, AU).
Negativos e/ou cópias: M. Schmiedt

Títulos alternativos: The Liar | Le Menteur | El Mentiroso
Grafias alternativas: Antônio César | Carlão Reichembach | João Guilherme Reis e Silva [João Guilherme Barone Reis e Silva] | Carla Saueressig Schlosser | Graforreia | Geraldo Flack | Valdir Santos (cf. créditos)
Grafias alternativas (funções): Maquilagem | Cabeleireiro

BIBLIOGRAFIA
Cinema gaúcho – Anos 80: um olhar sobre a década. Porto Alegre: Secretaria Municipal da Cultura, Associação Profissional dos Técnicos Cinematográficos do Estado do Rio Grande do Sul-APTC-ABD-RS, 1991. 28p. il. (com foto de Zé LOPES)

Noticiário:
Embrafilme vai financiar um novo projeto gaúcho [O Mentiroso]. Pioneiro, Caxias do Sul, 10 abr 1986, p.7, ano XXXVIII, n.110.
Uma comédia movimenta o cenário gaúcho. Última Cena, Porto Alegre, ago 1986, p.7, n.2. (com foto)
A grande mentira de 87. Última Cena, Porto Alegre, jan 1987, p.3, n.7. (com 3 fotos de Zé LOPES + foto da capa)
PÓVOAS, Glênio. Um filme de estrada a caminho. Jornal do CREA-RS, Porto Alegre, jan 1987, p.8. (com foto)
PÓVOAS, Glênio. O mentiroso, um road movie em Cannes. Diário do Sul, Porto Alegre, 17 maio 1988, p.16. (com foto)
Werner Schünemann: pela renovação da narrativa. Última Cena, Porto Alegre, jun 1988, p.5, n.24.
Angel Palomero: as aventuras do Mentiroso. Última Cena, Porto Alegre, nov 1988, p.5, n.29.
LEAL, Hermes F.. O mentiroso: o road movie brasileiro; hilariante e dramático, mentiras a 24 quadros; os gaúchos atacam de comédia [entrevistas com Werner Schünemann e Monica Schmiedt]. Cisco, 1988, capa e p.8-10, n.12.
A opinião de Reichenbach. Cisco, 1988, p.10, n.12.
REZENDE JR, José. Brasília se diverte com O Mentiroso. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 29 out 1988, Caderno B, p.2 [BN, p.36], ano XCVIII, n. 204.
SUKMAN, Hugo Sérgio. O mentiroso: e a luta continua [entrevista com Werner Schünemann]. Cinemin, Rio de Janeiro, fev 1989, p.9, n.51.

Crítica:
CARONE, Helena. Um estranho no ninho. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 21 nov 1988, Caderno B, p.2 [BN, p.28], ano XCVIII, n.227.
REICHENBACH, Carlos. A retomada do gosto transgressivo. Folha de S. Paulo, São Paulo, 9 mar 1989; reproduzida em: HEFFNER, Hernani; AVELLAR, José Carlos (org). 45 Festival de Brasília do Cinema Brasileiro – Memória crítica. Brasília: Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, 2013. 347p., p.185-186.

Exibições


• Cannes (FR), 41e Festival International du Film [11-23 maio]-Marché du film, 18 maio 1988, qua

• Porto Alegre (RS), Avenida, 25 maio 1988, qua (pré-estreia)

• Gramado (RS), 16º Festival do Cinema Brasileiro de Gramado [19-25 jun]-Fora de concurso, jun 1988

• Rio de Janeiro (RJ), 4º Rio Cine Festival, Veneza (Av. Pasteur, 184), 23 ago 1988, ter, 22h (pré-estreia)

• Brasília (DF), 21º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro [26 out-1º nov]-Mostra Competitiva 35 mm,
CineParkShopping Sala 1, 27 out 1988, qui, 20h30
CineParkShopping Sala 3, 27 out 1988, qui, 21h30
Cine Brasília, 28 out 1988, sex, 20h
Cine Paranoá (Taguatinga; 400 lugares), 29 out 1988, sab, 14h, 16h, 18h, 20h, 22h
Cine Itapoã (Gama; 500 lugares), 30 out 1988, dom
Cine Alvorada (Sobradinho), 31 out 1988, seg, 20h, 22h

• São Luís (MA), 11ª Jornada de Cinema e Vídeo no Maranhão-Fora de concurso, nov 1988

• Rio de Janeiro (RJ), V FestRio [17-?? nov]-Mostra Competitiva, Cinema Roxy (Av. Copacabana, 945), 21 nov 1988, seg, 21h30

• La Habana (CU), 10 Festival Internacional del Nuevo Cine Latinoamericano de La Habana, 1988

• Torre Molinos (ES), Festival Internacional de Cinema de Comédias, 1991

• Ciudad Autónoma de Buenos Aires (AR), Muestra 1985/1995: una década de cine gaúcho, Teatro Municipal General San Martín-Sala Leopoldo Lugones, 6 mar 1996, qua

• Montevideo (UY), Muestra de Cine Gaúcho Contemporáneo, Cinemateca Uruguaya, 5, 7 dez 1996, qui, sab

• Porto Alegre (RS), Maratona do cinema gaúcho – APTC 20 anos [1º-14 ago], Cine Santander Cultural, 6 ago 2005, sab, 19h (+ Memória)

Como citar o Portal


Para citar o Portal do Cinema Gaúcho como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo:
O Mentiroso. In: PORTAL do Cinema Gaúcho. Porto Alegre: Cinemateca Paulo Amorim, 2024. Disponível em: https://cinematecapauloamorim.com.br//portaldocinemagaucho/1591/o-mentiroso. Acesso em: 19 de julho de 2024.