Tangos & tragédias para sempre (2022)

Brasil (RS)
Longa-metragem | Não ficção
cor, 79 min

Direção: Aloísio Rocha.
Companhia produtora: Bit Filmes; VM Videomakers

Primeira exibição: Porto Alegre (RS), Cinemateca Capitólio, 12 out 2022, qua, 19h30

 

Tangos & tragédias para sempre foi concebido a partir das gravações feitas pelo diretor Aloisio Rocha na 12ª temporada de 1997, no Theatro São Pedro. Com depoimentos de Hique Gomez, parentes, amigos e colaboradores, a trajetória desse espetáculo e de seus criadores tem neste documentário o seu registro mais completo.

Sinopse


Cartelas ao longo do filme:

// Tangos & tragédias surgiu, em 1984, como uma peça cômica de Hique Gomez e Nico Nicolaiewsky. O show era sobre dois músicos estrangeiros que migraram para o Brasil em busca de trabalho – uma dupla de violino e acordeon. As histórias contidas nas músicas que eles interpretavam eram o roteiro do show. Fizeram em torno de 1.500 apresentações no Brasil e em mais de 6 países ao longo de quase 30 anos em cartaz. Este filme é um recorte dessa história. Foi concebido a partir das gravações feitas pelo diretor na 12ª temporada de 1997, no Theatro São Pedro. São recordistas em apresentações naquele palco. //

// Tangos & tragédias é um dos maiores fenômenos culturais da história do Rio Grande do Sul. //

// Porto Alegre, 30 de janeiro de 1997. //
// Theatro São Pedro, noite. //
// Algumas horas antes //
// O espetáculo que nunca acabou. //
// Anos 80. //
// Primórdios do Tangos & tragédias. //
Arquivo: Theatro São Pedro, 1987.
// Uma dupla de 3. //
Arquivo: Dilmar Messias (1985).
// Theatro São Pedro – 1997. //
// Gênese do Tangos – Vicente Celestino. //
// A marca do Tangos & tragédias. //
// O spala e seu maestro. //
// 3 décadas de sucesso. //
// Uma perfeita desarmonia. //
// As diferenças que constroem. //
// O segredo perdido da verdadeira maionese. //
// Arte anarquista e subversiva. //
// A Sbørnia é aqui. //
// Copérnico. //
// Os palhaços são grandes músicos. //
// Eleven o'clock train. //
// Não há preconceito na Sbørnia. //
// Todos na mesma história. //
// Não há mais palco e plateia. //
// Nico Nicolaiewsky faleceu em 2014, aos 56 anos, no auge de sua carreira, durante a 29ª temporada do Tangos & tragédias, no Theatro São Pedro. //
// Nico foi vítima de leucemia. //
// O maestro Pletskaya voltou para a Sbørnia. //
// A grande atração morreu. //
// O show tem que continuar. //
// Hique e Simone perderam seus parceiros de uma vida. //
// Mas a vida lhes deu um ao outro. //
// Adriana e Simone foram sucesso durante 10 anos com o espetáculo Rádio Esmeralda. //
// Theatro São Pedro, janeiro de 2020. // Hique Gomez e Simone Rasslan estão em A Sbørnia kontr'atracka mantendo vivo esse universo de felicidade. //
// Mas isso é parte da nossa próxima história. //
// Porto Alegre, 30 de janeiro de 1997. //
// Fim (mas essa história não se estanca por aqui). //

// Esta é uma obra documental. //
// Parece que tudo o que foi dito aqui é verdade. //
// Mas não temos certeza. //

Ficha técnica


IDENTIDADES
Hique Gomez.
Arquivo: Nico Nicolaiewsky.
Ordem de identificação:
Eva Sopher (Theatro São Pedro),
Cláudio Levitan (artista),
Herbert Vianna (Paralamas),
Carlos Villalba (produtor artístico; em espanhol),
João Barone (Paralamas),
Miguel Benedikt (produtor cultural),
Clara Averbuck (filha dos caras do T&T, escritora, filha do Hique)
Antonio Hohlfeldt (Theatro São Pedro),
Bi Ribeiro (Paralamas),
Simone Rasslan (musicista),
Daniela Cerchiaro (Teatro San Martín; em espanhol)
Otto Guerra (cineasta),
Diego Maurici (saxofonista; em espanhol),
Carol Anchieta (jornalista),
Juarez Fonseca (jornalista),
Mestre Izolino (compositor),
Neto Fagundes (gaudério),
Adriana Martorano (produtora cultural),
Daniel Scola (radialista),
Lucivera Bernardes (carnavalesca),
Marcos Fentanes (produtor artístico),
Roger Lerina (jornalista),
Fernanda Takai (Pato Fu), 
José Pedro Goulart (cineasta),
Edgar Vasques (cartunista),
Werner Schünemann (ator),
Marilourdes Franarin (produtora do T&T),
Carla Joner (produtora cultural),
Dirceu Russi (fundador Bar IAB),
Fábio Bernardi (publicitário),
Dilmar Messias (teatrólogo),
Márcio Pinheiro (jornalista),
Arthur de Faria (músico),
Carlos Kober (diretor artístico),
Regina Becker (moradora Praça da Matriz),
André Damasceno (humorista),
César Saut (empresário),
Regina Lima (jornalista),
Vitor Ramil (músico),
Beto Philomena (publicitário),
Márcia do Canto (atriz, esposa do Nico),
Zé Victor Castiel (ator),
Nelson Sirotsky (empresário),
Nina Nicolaiewsky (musicista, filha do Nico),
Edu Coelho (engenheiro de som),
Alexandre Belo (cantor),
José Fortunati (morador Praça da Matriz).
Narração inicial e final (não creditado): Aloísio Rocha.
Arquivo: Adriana Marques (em Rádio Esmeralda).

DIREÇÃO
Direção: Aloísio Rocha.

ROTEIRO
Roteiro: Aloísio Rocha.
Pesquisa: Valéria Martinotto, Wagner Romagna.

PRODUÇÃO
Produção: Valéria Martinotto, Ruiz Faillace, Chico Deniz, Samara Gonzaga, Thales Tavares, Rafael Munhoz.
Técnica: Paulo Belaguarda, Bruno Barcelos, Wagner Romagna, Vinícius Barcelos, Sandro Souza, Vanderlei Gonçalves.

FOTOGRAFIA
Operação de câmera: Aloísio Rocha, Clara Martins, Claudio Pato, Dagoberto Rocha, Clovis Santa Catarina, Diego Vidal, Luís Ventura, Rodrigo Brandão, Sadil Breda, Vinícius Barcelos, Wagner Romagna, Vitor Ochôa, Paulo Ochoa.
Logger: Diego Vidal, Wagner Romagna, Guilherme Trezzi.

SOM
Som direto: Marcelo Sfoggia (in memoriam), Marcos Abreu.

MÚSICA
Músicas:
• "Só cai quem voa" (música, letra: Nico Nicolaiewsky) [abertura]
• "Senhoras e senhores" (música, letra: Nico Nicolaiewsky) [encerramento]
• "Reunidos por uma noite" (Nico Nicolaiewsky, Cláudio Levitan) [créditos]

Músicas do espetáculo:
• "Desgrazzia ma non troppo" (Titina) (música: Leo Daniderf; versão: Hique Gomez, Nico Nicolaiewsky)
• "Coração materno" (música, letra: Vicente Celestino)
• "Aquarela da Sbornia" (Hique Gomez, Nico Nicolaiewsky)
• "Copérnico" (Hique Gomez, Nico Nicolaiewsky)
• "O Drama de Angélica" (Alvarenga, M. G. Barreto)
• "Tango da mãe" (música, letra: Cláudio Levitan)
• "A Trágica paixão de Marcelo por Roberta" (música, letra: Nico Nicolaiewsky)
• "O Ébrio" (música, letra: Vicente Celestino; canção)
• "Romance de uma caveira" (Alvarenga, Ranchinho, Chiquinho Salles)
• "Ana Cristina" (música, letra: Cláudio Levitan)
• "A verdadeira maionese" (música: Caetano Zama, colagem e letra: Nico Nicolaiewsky)
• "Meu erro" (música, letra: Herbert Vianna)
• "Trenzinho caipira" (música: Heitor Villa-Lobos)
• "Roxane" (música, letra: Sting)

Trilha sonora:
• "Dont shoot the piano player" (Lance Conrad)
• "Revolution colors" (Ofer Koren)
• "Wondering cat" (Nir Maimon)
• "Little things" (Anbr)
• "Goodby" (Opus)
• "Trapt" (Philip Daniel)
• "Not now" (Michele Nobler)

ARQUIVO
Imagens de arquivo: RBS TV (Porto Alegre); Rede Globo; SBT; TVE RS; TV Cultura (SP); PUCRS-Videopuc; Acervo Zeppelin; Acervo Videomakers Filmes; Show 1997 / Aloísio Rocha; Beto Turquenitch / TGD Filmes; Agência Cultural; Armando Apple; Ala Cultural.

FINALIZAÇÃO
Edição: Aloísio Rocha, Diego Vidal, Guilherme Trezzi, Wagner Romagna.
Montagem final: Aloísio Rocha.

Finalização: Aloísio Rocha, Stefan Hrymalak.
Mixagem: Hique Gomez.

MECANISMOS DE FINANCIAMENTO
Companhia produtora: Bit Filmes (Porto Alegre).
Coprodução: VM Videomakers (Porto Alegre).
Captação de recursos: através da Lei de Incentivo à Cultura Lei nº 8.313/91 (Lei Rouanet) / Secretaria Especial da Cultura / Ministério do Turismo / Governo Federal – Brasil – Pátria amada.
Patrocínio: SulGás; Rio Grande Seguros e Previdência; Urbano.
Produzido com recursos parciais da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

AGRADECIMENTOS
Agradecimentos (in memoriam): Nico Nicolaiewsky, Eva Sopher, Marcelo Sfoggia, Telmo de Lima Freitas, José Alberto Groisman.
Agradecimentos: Theatro São Pedro, Teatro San Martín (Buenos Aires), Daniela Cerchiaro, Carlos Kober, Renata Rubim, Marcos Martinelli, Cláudio Levitan, Hique Gomez, Márcia do Canto, Marilourdes Franarin, Carlos Gerbase, Maria Henriqueta Satt, João Barone, Sergio Villar, Márcio Pinheiro, Armando Apple, Videomakers Filmes, TGD Filmes, Zeppelin Filmes, RBS TV, TVE RS, José Pedro Goulart, Beto Turquenitch, Caio Klein.
A todos que compartilharam experiências sbornianas com esse filme.
Obrigado Hique Gomez e Nico Nicolaiewsky por terem nos dado tanta felicidade.

FILMAGENS
Brasil / RS, em Porto Alegre, entrevistas em lugares como Theatro São Pedro: Gomez, Takai; no foyer: Hohlfeldt, Nina Nicolaiewsky; na casa dos entrevistados: Fonseca, Lerina, Vasques, Becker e Fortunati.
Outros lugares ou cidades não creditados nem identificados.

ASPECTOS TÉCNICOS
Duração: 79 min
Som:
Imagem: cor, trechos em pb
Proporção de tela:
Formato de captação:
Formato de exibição:

DIVULGAÇÃO
videomakers.com.br

PREMIAÇÃO


DISTRIBUIÇÃO
Classificação indicativa:
Contato:

OBSERVAÇÕES
Filme visionado em:  Sesc São Paulo-Cinema #EmCasaComSesc, disponível online durante In-Edit Brasil 15º Festival Internacional do Documentário Musical, jun 2023.
Atriz Adriana Marques, falecida em Porto Alegre, 11 jul 2009, aos 43 anos. Ela atuava há oito anos com Simone Rasslan no espetáculo Rádio Esmeralda, com direção de Hique Gomez.

Grafias alternativas: Theatro San Martin | Zé Pedro Goulart | Werner Schunneman | Beto Turkenish e Roberto Turkenich | Victor Ochoa | Stefan Hrymalak Neto | "Desgrazzia ma non tropo" (Hique Gomez, Nico Nicolaiewsky) | "Romance de uma caveira" (Alvarenga, Ranchinho) | "A Verdadeira maionese" (Nico Nicolaiewsky) | "O Drama de Angélica" (Alvarenga, Ranchinho)

DISCOGRAFIA

BIBLIOGRAFIA
MANSQUE, William. Essência da Sbórnia: o que esperar do documentário Tangos & tragédias para sempre – Com entrada franca, filme será exibido nesta quarta-feira, às 19h30min, na Cinemateca Capitólio. GZH, Porto Alegre, 11 out 2022.

Exibições


• Porto Alegre (RS), Cinemateca Capitólio, 12 out 2022, qua, 19h30

• São Paulo (SP), In-Edit Brasil 15º Festival Internacional do Documentário Musical [14-25 jun]-Mostra Brasil,
Spcine Olido, 16 jun 2023, sex, 15h
Associação Cultural Cecília, 20 jun 2023, ter, 16h
Cinemateca Brasileira Sala Grande Otelo, 23 jun 2023, sex, 16h

• Campinas (SP), Itinerância In-Edit Brasil 15º Festival Internacional do Documentário Musical [3-8 out]-Panorama brasileiro, MIS Campinas, 4 out 2023, qua, 18h30

• Porto Alegre (RS), Itinerância In-Edit Brasil 15º Festival Internacional do Documentário Musical [18-22, 24, 25]-Panorama brasileiro, Cinemateca Paulo Amorim-Sala Paulo Amorim, 20 out 2023, sex, 19h (apresentação: M. Kanitz + diretor artístico do In-Edit Marcelo Aliche; bate-papo com diretor + Hique Gomez, mediação: M. Kanitz)

Como citar o Portal


Para citar o Portal do Cinema Gaúcho como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo:
Tangos & tragédias para sempre. In: PORTAL do Cinema Gaúcho. Porto Alegre: Cinemateca Paulo Amorim, 2024. Disponível em: https://cinematecapauloamorim.com.br//portaldocinemagaucho/1731/tangos-tragedias-para-sempre. Acesso em: 24 de abril de 2024.