O Grande rodeio (1975)

Brasil (RS)
Longa-metragem | Ficção
35 mm, cor, 103 min

Direção: Antonio Augusto Fagundes.
Companhia produtora: Rancho Filmes

Primeira exibição: Porto Alegre (RS), Victoria, 1975

 

Após anos morando no Rio de Janeiro, a filha de um fico fazendeiro gaúcho retorna ao estado natal. Rosinha segue costumes diferentes daqueles tradicionalmente vistos na cultura do Rio Grande do Sul, o que a faz entrar em conflito com a própria família. Os parentes culpam o noivo da moça pela situação, já que ele é um jovem carioca de mentalidade mais progressista. Enquanto organiza um grande rodeio na sua cidade natal, o pai da moça a convence a ter aulas com um professor de folclore, capaz de fazer a garota entender um pouco mais do lugar em que nasceu. Quando o noivo dela vem visitá-la, acontece um inevitável choque cultural que vai definir como será o futuro de Rosinha. O filme conta com as participações especiais de Alberto Ruschel (1918-1996), Roberto Mendes (irmão do cantor nativista José Mendes) e de grupos musicais locais, como Os Açorianos e Os Serranos. As filmagens aconteceram em São Borja, Caxias do Sul e Porto Alegre. O Grande rodeio teve um público estimado de 30.237 espectadores, perfazendo uma renda de Cr$ 137.065,00. É o último filme dirigido por Antonio Augusto Fagundes (1934-2015), poeta, compositor, ator, advogado e apresentador de TV que se tornou um dos mais respeitados pesquisadores da história social e cultural do estado.

Sinopse


Educada no Rio de Janeiro, a filha de um rico fazendeiro do Rio Grande do Sul, despreza os valores que mais sensibilizam seu pai, um gaúcho ligado às tradicionais manifestações da cultura de seu estado. Para o pai, isso ocorre por influência do noivo da filha, um jovem carioca de hábitos e costumes alienígenas. Visitando o pai, a filha encontra-o empenhado na realização de um grande rodeio em sua cidade natal. Aproveitando sua estada na fazenda, o pai pede a um amigo, professor e estudioso do folclore gaúcho, que ensine um pouco da cultura gaúcha à filha. As aulas começam, mas as diferentes visões culturais de um e outro, acabam gerando acaloradas discussões que, ao invés de afastá-los, aproxima-os numa ardente paixão. A chegada do noivo, provoca um duelo entre ele e o professor. Derrotado, o ex-noivo regressa ao Rio. Contente com a conversão da filha, o fazendeiro dá início ao rodeio com a apresentação de artistas gaúchos.

Ficha técnica


ELENCO
Rejane Schumann (Rosinha), Antonio Augusto Fagundes (Antonio), Ayrton dos Anjos (Noivo), Darcy Fagundes, Luiz Menezes, Barbosa Lessa, Glaucus Saraiva, Os Araganos, Os Muuripás, Carlos Castilhos, Roberto Mendes, Joãozinho Perera, Leopoldo Rassier, Paulinho Pires, Os Tauras, Os Açorianos, Os Angueras, Os Serranos, Terra Cinco, Jayme Pinto, Apparicio Silva Rillo, Airton Pimentel & Lourinha Garcez, Nelson & Jeanette, Antonio Carlos Pinto de Souza, CTG Tropilha Crioula, os chuleadores Daniel & Mano, os guris do Colégio Militar, Bagre Fagundes, Os Cobras do Teclado [Adelar Bertussi e Itajaíba Mattana] e a "Caninana de Três Passos".
Participação especial: Alberto Ruschel.

DIREÇÃO
Direção: Antonio Augusto Fagundes.

ROTEIRO
Roteiro: Antonio Augusto Fagundes.

PRODUÇÃO
Produção: Antonio Augusto Fagundes.
Direção de produção: Carlos Castilhos.
Assistência de produção: Edemar Correa, Miguel Bicca.

FOTOGRAFIA
Direção de fotografia e operação de câmera: Alexandre Ostrovski.
Assistência de câmera: Pereira Dias Filho, Roberto Azevedo.

Eletricista chefe: Miguel Elias.
Maquinistas: Serginho, Mascote.

ARTE
Cenografia, figurino: Antonio Augusto Fagundes.

MÚSICA
Música: Antonio Augusto Fagundes.

Músicas:
• "Mané Romão" (folclore gaúcho)
• "Esta terra é minha" (Carlos Castilhos, Paulo Fagundes)
• "Hino ao Rio Grande" (música, letra: Simão Goldman; canção)
• "Cachoeira, cachoeira" (Antonio Augusto Fagundes)
• "Pára, Pedro!" (José Mendes, José Portela Delavi)
• "Piazito carreteiro" (Luiz Menezes)
• "Ascensão e queda de um ginete" (música: Marco Aurélio Vasconcellos, letra: Luiz Coronel)
• "Fim de baile no rincão" (Nelson, Jeanette)
• "Soldado da cavalaria" (Antonio Augusto Fagundes, Zezinho)
• "Cântico de um rio" (Airton Pimentel)
• "Cantiga de rio e remo" (música: José Bicca, letra: Apparicio Silva Rillo; canção)
• "Súplica de um gaúcho" (Flavio, Mister White)
• "Gau-chê" (Carlos Rafael)
• "Fogo de chão" (Hamilton Chaves, Paulo Rogério)
• "A Volta da chaleira preta" (Adelar Bertussi, Itajaíba Mattana) por Os Cobras do Teclado [Adelar Bertussi e Itajaíba Mattana]
• "Ranchereando" por Os Serranos
• "Guria" (Antonio Augusto Fagundes)

FINALIZAÇÃO
Montagem: Pereira Dias Filho.

Letreiros: Luiz Celso Hyarup.

EQUIPAMENTOS E SERVIÇOS
Película: Kodak Eastmancolor.

MECANISMOS DE FINANCIAMENTO
Companhia produtora: Rancho Filmes (Porto Alegre).

FILMAGENS
Brasil / RS, em São Borja; Caxias do Sul; Porto Alegre.

ASPECTOS TÉCNICOS
Duração: 103 min
Metragem: 2.827 metros
Número de rolos:
Som:
Imagem: cor
Proporção de tela: 1.33
Formato de captação: 35 mm
Formatos de exibição: 35 mm

DIVULGAÇÃO
Cartaz: 94,7 x 65 cm. Desenho: não identificada a assinatura: Jeam75? Impressão: Livraria do Globo (Porto Alegre). Exemplar com AJP. Exemplar na Cinemateca Brasileira.

DISTRIBUIÇÃO
Classificação indicativa: 10 anos.
Distribuição: Rancho Filmes.
Contato: Cinemateca Brasileira (negativos); herdeiros de Antonio Augusto Fagundes. // AAF: cópia 35 mm // MH: cópia 35 mm.

OBSERVAÇÕES
Filme não visionado.
Ficha técnica a partir de transcrição de letreiros cf. Filmografia brasileira / Cinemateca Brasileira.
Renda de outubro a dezembro de 1975: Cr$ 137.065,00 com 30.237 espectadores.

Grafias alternativas: Carlinhos Castillo e Carlos Castillo | José Gonzaga [= José Bicca] | "Rio Grande do Sul" (Simão Goldman) | Euclides Fagundes Filho [= Bagre Fagundes] | Ayrton Pimentel | Jeannette

BIBLIOGRAFIA
Guia de filmes – Lançados no Rio de Janeiro e em São Paulo entre 1 de janeiro e 31 de dezembro de 1979, Rio de Janeiro, 1981, p.23, n.79.

Noticiário:
MERTEN, Luiz Carlos. Nico ainda vai fazer o bom cinema gaúcho. Folha da Manhã, Porto Alegre, 11 out 1975. Reproduzida em: MERTEN, Luiz Carlos. Um Sonho de cinema. Porto Alegre: Unidade Editorial, Coordenação de Cinema, Vídeo e Fotografia-Secretaria Municipal da Cultura-Prefeitura de Porto Alegre; Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 2004. 362p. il. (Escritos de Cinema, 9) p.165-168.
PEIXOTO, Fernando. Chimarrão versus Marlboro. Movimento, Rio de Janeiro, 3 nov 1975, p.22, n.18.

Exibições


• Porto Alegre (RS), Victoria, 1975; em cartaz 11 out 1975???; em 10 set 1978

• Santiago (RS), 12 out 1975, dom (lançamento)

• Caxias do Sul (RS), Cine Imperial, 24, 25 jan 1976, sab, dom, 19h30, 21h30
 
• São Paulo (SP), Liberty (Av. Paulista, 2.064),
22-28 out 1979, seg-dom, 13h15, 14h50, 16h25
29-31 out 1979, seg-qua, 13h15, 14h50, 16h25

• Porto Alegre (RS), Retrospectiva cinema gaúcho [16 set-6 out], Cinemateca Paulo Amorim-[Sala Paulo Amorim], 21 set 1985, sab, 15h, 17h (+ As Colônias italianas do Rio Grande do Sul)

Como citar o Portal


Para citar o Portal do Cinema Gaúcho como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo:
O Grande rodeio. In: PORTAL do Cinema Gaúcho. Porto Alegre: Cinemateca Paulo Amorim, 2024. Disponível em: https://cinematecapauloamorim.com.br//portaldocinemagaucho/182/o-grande-rodeio. Acesso em: 22 de fevereiro de 2024.