Anahy de las Misiones (1997)

Brasil (RS-SP)
Longa-metragem | Ficção
35 mm, cor, 115 min

Direção: Sérgio Silva.
Companhia produtora: M. Schmiedt Produções; Quanta; Consórcio Europa Severiano Ribeiro; Producers – NGM

Primeira exibição: Gramado (RS), 25º Festival de Gramado – Cinema Latino e Brasileiro [8-16 ago]-Fora de concurso-Noite de encerramento, Palácio dos Festivais, 16 ago 1997, sab, 19h45

 

Épico histórico, Anahy de las Misiones é baseado em lenda sobre uma mascateira que vivia dos escombros nas guerras cisplatinas. O diretor Sérgio Silva escreveu o roteiro com Gustavo Fernández a partir dessa história mítica do Rio da Prata e com a colaboração do escritor Tabajara Ruas inseriu a personagem no contexto da Revolução Farroupilha (1835 a 1845). Anahy de las Misiones é um dos filmes da Retomada do Cinema Brasileiro, expressão que designa o período de reerguimento da produção depois do colapso provocado pela extinção da Embrafilme no início dos anos 90. Dos recursos da empresa extinta foi editado o Prêmio Resgate do Cinema Brasileiro que financiou 56 longas-metragens, entre os quais o filme gaúcho eleito por unanimidade no júri de seleção. Primeiro longa em 35 mm dirigido por Sérgio Silva, realizador egresso dos anos 60 com premiada carreira de curtas-metragens, tematiza questões de identidade cultural comum a vários filmes brasileiros naquele período.

Produção de época de grande fôlego, filmado nas regiões de Uruguaiana na fronteira com Argentina, Caçapava e Cambará do Sul com apoio do 3º Exército que abriu 82 km de estradas ao longo de 3.350 km percorridos pela equipe de filmagem. O maior desafio para as produtoras Gisele Hiltl e Monica Schmiedt foi transportar por terra o navio Seival encenando o episódio real liderado pelo general David Canabarro e pelo revolucionário italiano Giuseppe Garibaldi que conduziram sobre rodas e puxada por juntas de bois a embarcação com a qual se deu a tomada da cidade de Laguna, em Santa Catarina.

Sérgio Silva era de família materna alemã, professor universitário de arte dramática, formado em letras e literatura e admirador do teatro brechtiano. Criou uma mulher forte, mãe coragem que conduz a família em meio aos escombros da guerra sobrevivendo do saque dos mortos. Araci Esteves, dama do teatro gaúcho cujo talento se revela no cinema, confere dignidade a essa grande personagem que enfrenta com destemor um mundo masculino ao qual não se curva. Anahy de las Misiones tem uma cuidada trilha composta por Celso Loureiro Chaves e um trabalho sonoro de reconstituição do linguajar próprio da região fronteiriça no século XIX. Essa fala pampeana em que o castelhano se mistura ao português foi um desafio para o variado elenco formado pela atriz paraense Dira Paes, o carioca Marcos Palmeira, os paulistas Fernando Alves Pinto e Matheus Nachtergaele, a baiana Giovanna Gold junto com um grande elenco que inclui o argentino Ivo Cutzarida. Foi lançado em sessão especial no 25º Festival de Gramado – Cinema Latino e Brasileiro, em 1997.

Sinopse


Arrastando um velho carroção sem bois, Anahy e seus quatro filhos – Solano, Teobaldo, Luna e Leonardo, todos de pais diferentes – lutam para sobreviver durante a Revolução Farroupilha (1835-1845). Anahy só tem um objetivo: manter unida sua família, a qualquer custo. Perambulam pelo Rio Grande do Sul no rastro das escaramuças entre farroupilhas (revolucionários) e caramurus (legalistas, defensores do Império), recolhendo os despojos dos combates e negociando-os nos acampamentos dos soldados de ambas facções. Evitando comprometer-se com qualquer um dos lados, Anahy acredita que, assim, a tragédia da guerra não vai envolver sua família. Mas Teobaldo se une aos farrapos, incentivado por Manoel, jovem ferido que se agregou ao grupo. Mais tarde, Leonardo morre pelas mãos de um soldado. Junta-se aos mascates a morena Picumã, afilhada de Joca Ramires, um velho amigo de Anahy. Luna, que finge ter uma doença contagiosa para evitar o assédio dos homens nos acampamentos, engravida de um médico por quem se apaixonou. À frente do que sobrou de seu clã – Luna, Solano e Picumã – Anahy avança, sem saber que vai ao encontro de um obstáculo além de sua determinação.

Ficha técnica


ELENCO
Marcos Palmeira (Solano),
Dira Paes (Luna),
Araci Esteves (Anahy de las Misiones),
Fernando Alves Pinto (Leonardo), Giovanna Gold (Picumã),
Claudio Gabriel (Teobaldo), Matheus Nachtergaele (Manoel), Ivo Cutzarida (Médico Pedro),
Paulo José (Joca Ramires),
Leverdógil de Freitas (Farrapo barbudo), Marcos Barreto (Farrapo da espada), Roberto Birindelli (Giuseppe Garibaldi), Oscar Simch (David Canabarro), Nelson Diniz (Farrapo moribundo), Robinson Sawitzki (Farrapo), Marcelo Almeida (Farrapo).
Vozes: Ludoval Campos, Alexandre Zachia, Nelson Barretta, Andrea Tonacci, Camilo Bevilacqua.
Figuração: das cidades de Uruguaiana e Caçapava do Sul.

DIREÇÃO
Direção: Sérgio Silva.
Primeira assistência de direção: Gustavo Fernández.
Segunda assistência de direção: Sebastian Puenzo.
Terceira assistência de direção: Luiz Arthur Nunes.
Continuidade: Célia Maria Padilha.

ROTEIRO
Argumento e roteiro: Sérgio Silva, Gustavo Fernández.
Colaboração no roteiro: Tabajara Ruas.

PRODUÇÃO
Produção executiva: Monica Schmiedt.
Direção de produção: Gisele Hiltl.
Assistência de direção de produção: Rose Sobucki.
Primeira assistência de produção (Uruguaiana): Carlito Ferreira.
Primeira assistência de produção (Caçapava do Sul e Cambará do Sul): Silvana Pätzinger.
Segunda assistência de produção (Uruguaiana e Caçapava do Sul): Tito Mateo.
Segunda assistência de produção (Uruguaiana): Frederico Bonani.
Segunda assistência de produção (Porto Alegre): Rosi Badinelli.
Assistência de produção de elenco: Sheila Amaral, Janet Rochenbach Bakes.
Estagiário de figurino e elenco: Messias Gonçalves.
Estagiária de elenco: Márcia Baldissera.
Estagiários (Uruguaiana): Jairo de Souza, Celita Dovigi, Ceni Dovigi, Luciano Martins, Maria Clotilde Rosa, Marielly Carvalho, Márcia Regina Sena jardim, Monica Grivot.
Estagiários (Caçapava do Sul): Wagner Martins, Her Barbosa Filho, Franer Martins.
Estagiários (Cambará do Sul): Leandro Corso, Dondi, Klei.

Platô: Marcelo Leite.
Assistência de produção de set: André Vieiro.
Motoristas: Chico Dortzbach, Mauro Rebello, Sérgio Bauer, Vilson Schena, Oriovaldo Carvalho, Aldor Rodrigues, Carlito, Carlos, Eliane, José Lino Rezes, Jair Menezes, Júnior, Leniir Madalozzo, Nelson, Reinaldo Gonçalves, Omar, Luiz Cláudio, Clóvis Trave, Paulo Benini, Celi Carvalho, Júlio, Alexandre, Ricardo.

BASE
Atendimento [Captação de recursos]: Jacqueline Sanchotene / Taxi Multimídia, Ana Grossman, Claiton Ehlers.
Administração financeiro: Marlene Conzatti.
Assistência financeiro: Adriana Chagas.
Secretaria de produção: Suria Liz, Gladis Cosma.
Boys: Juliano Soares, Bárbara Tomazzini.

FOTOGRAFIA
Direção de fotografia: Adrian Cooper.
Primeira assistência de câmera: Cristiano Conceição.
Segunda assistência de câmera: Edison Fattori.

Eletricista chefe: Wagner Gonçalves.
Maquinista chefe: Rogério Costa.
Assistência de elétrica e maquinaria: João Frias, Angelo Baldin.
Geradorista: Aurélio Gonçalves.

Fotografia de cena: Mauro Goulart.

ARTE
Direção de arte: Luiz Fernando Pereira.
Cenografia: Luiz Fernando Pereira.
Assistência de cenografia: Claiton Ehlers.
Pré-pesquisa de arte: Alziro Azevedo.
Contrarregragem: Rodrigo Soprana.
Assistência de produção de cenografia: Marta Bicca, Rosane Gonçalves.
Cenotécnica: Cláudio Costa.
Primeira assistência de cenotécnica: Selmar Drose.
Segunda assistência de cenotécnica: Giovane Nunes, Argemiro Gomes, Ariel Moraes, Aule Dal Canal, João Antonio Moraes, Normélio Correa, Pedro Gomes, Valdir da Silva Santos.

Figurino: Luiz Fernando Pereira, Rudge Schwertner, Rosane Gonçalves.
Pesquisa de figurino: Malu Rocha, Rudge Schwertner.
Assistência de produção de figurino: Simara Zamprogna.

Maquiagem: Luiz Carlos Jamonot.
Caracterização: Ana van Steen.

SOM
Som direto: Valéria Ferro.

MÚSICA
Trilha musical composta por: Celso Loureiro Chaves.
Regência: Antonio Carlos Borges-Cunha.
Músicos: Rosana Lofrano Oliveira (soprano), Fernando de Mattos (violão), Rogério Nunes (spalla), Vagner Bonella Cunha, Arthur Barbosa Neto, João Campos Neto, Angela Pazzaro da Nobrega, Elsdor Lenhart (violinos I), Milene Moreira (spalla), Hebert Wentz, Rafael Loro, Geraldo Moori, Mabio Duarte, Celson Gomes (violinos II), Wenceslau Moreira (spalla), Milene Diel, Alexandre Diehl, Douglas de Araújo (violoncelos), Milton Mascardi (spalla), Ana Paula Freire, Eduardo Lima Pinto, Walter Schinke (contrabaixos), Ayres Potthoff, Leonarto Winter (flautas), Adolfo S. Almeida Jr., Fábio Mentz (fagotes), Diego Grendene de Souza, Marcelo Piraino, Beatriz Gossweiler (clarinetes), Evandro Matte, Jaime Freiberger, Cesar Lenhardt (trompetes), Gilberto Dias, Alexandre Ostrovski Jr. (trompas), Herbert Hernandez, Julio Cesar Rizzo (trombones).
Conjunto de Câmara de Porto Alegre: Eliana Vaz Haber (viela-de-roda), Vania Beatriz Müller (dulcimer).

Músicas:
• "Chinoca" (Vitor Ramil)

FINALIZAÇÃO
Montagem: Juan Carlos Macias.
Montador assistente (Ciudad Autónoma de Buenos Aires): Julio di Risio.
Assistência de montagem (Ciudad Autónoma de Buenos Aires): Jorge Firdman.
Assistência de montagem (Porto Alegre): Gustavo Fernández.
Assistência de montagem (São Paulo): Fabiana Barbosa, Joana Benetton.
Estagiário de montagem: Hique Montanari.

Trucagens e letreiros: Rudi Böhm, Wanderlei Gomes.

Edição de som: Luiz Adelmo, Ana Chiarini, José Luiz Sasso.
Mixagem: José Luiz Sasso.

EQUIPAMENTOS E SERVIÇOS
Película: Fuji Color Negative Film.
Laboratório de imagem: Lícer Cine Laboratórios.
Estúdio de som – Gravação e mixagem da música: ACIT (Porto Alegre).
Estúdio de som: JLS Facilidades Sonoras (São Paulo).

Lei do Audiovisual: Coordenação: Oliveira Trust.
Assessoria: Blue Chip.

MECANISMOS DE FINANCIAMENTO
Companhia produtora: M. Schmiedt Produções (Porto Alegre).
Coprodução: Quanta; Consórcio Europa Severiano Ribeiro (Barueri, SP).
Produção associada: Monica Schmiedt; Gisele Hiltl / Producers – NGM (Porto Alegre); Sérgio Silva.
Este filme foi realizado com recursos do Prêmio Resgate do Cinema Brasileiro / Secretaria para o Desenvolvimento do Audiovisual e Finep / MinC Ministério da Cultura, SEDAC Secretaria de Estado da Cultura / Governo do Estado do Rio Grande do Sul, Prefeitura Municipal de Uruguaiana, Prefeitura Municipal de Caçapava do Sul, Prefeitura Municipal de Cambará do Sul.
Captação de recursos: através da Lei do Audiovisual Lei nº 8.685/93 / MinC Ministério da Cultura. Investidores: Companhia Brasileira de Petróleo Ipiranga; Distribuidora de Produtos de Petróleo Ipiranga S.A.; Refinaria de Petróleo Ipiranga S.A.; Banespa S.A. Corretoria de Câmbio e Títulos; Banespa S.A. Administradora de Cartões de Créditos e Serviços; Banespa S.A. Corretora de Seguros; Banespa S.A. Arrendamento Mercantil; Banrisul Banco do Estado do Rio Grande do Sul; CRT Companhia Rio-Grandense de Telecomunicações; RBS Rede Brasil de Comunicações; Lojas Colombo S.A.; Petroquímica Triunfo; Indústrias Romi S.A.; Lojas Renner S.A.; Defensa S.A.; Panvel S.A. Drogarias e Farmácias; Novo Hamburgo Seguros; A Gazeta do Espírito Santo Rádio e TV Ltda.; S.A. A Gazeta.
Apoio cultural: Unimed; Planalto.
Colaboração: Ministério do Exército-Comando Militar do Sul; 8º RCMEC (Uruguaiana); 2ª BDA (Uruguaiana); 3º GAAAE (Caxias do Sul); IBAMA RS Parque Nacional da Serra Geral; Departamento Aeroviário do Estado do Rio Grande do Sul.

AGRADECIMENTOS
Agradecimentos: Águas Minerais Sarandi Ltda., Adelcio Moreira, Alchieri & Cia. Ltda., Airton Ricardo Martins, Angel Palomero, Alex da Silva Madeira, Artex S.A., Antonio Augusto Fagundes, Aureo Ernesto e Oliveira, Associação Rural de Uruguaiana, Bibi Iankilevitch, Azaleia, Cape Ltda., Borracharia Winck, Center Park Hotel, Brunhilda Faria Correa, CEEE, Brigada Militar Assessoria Comunicação Social, Central de Aviamentos, Calle Corrientes Livros & Com. L. CDs, Cia da Forma, Chico Alves, Comapla Casa dos Descartáveis, Churrascaria Nova Brescia, Cooperativa de Lã Copicentro, Clito Oliveira, Chocolate Caseiro Planalto, Companhia Industrial Rio Guahyba, Daniel Anzonello, Companhia Prada Indústria e Comércio, Dona Pequena, Consulado da Argentina (Uruguaiana), Elizabete Brusque Martins, Construtora Britanato Ltda., Fernando Trein, Conta Gotas Farmácia Manipulação, Francisco Tellechea, Copy Service, Fuji Film, Corpo de Bombeiros de Paso de Los Libres, Giba Assis Brasil, Corpo de Bombeiros de Uruguaiana, Grupo Schwank, Departamento de Arte Dramática UFRGS, Hotel Umbu, Dicetal Distribuidora de Cereais Tapense, Interlace, Distribuidora de Bebidas Carnelutti, Iolanda Pavin, Eduardo Feijó, Irmãos Both Bebidas Ltda., Espaço Vídeo, Izaltina Alves Riela, Fiateci Companhia Fiação e Tecidos Porto-alegrense, João Cândido, Frederico Antunes, Juarez Reis Candia, Genesio Ceolim e Cia., Lanificio Valuruguai, Grendene, Laurecir de Oliveira, Hotel Gloria, Larri Anunciação, Instituto Cultural Cervantes, Lavanderia Abc, Irany Pereira Franco, Leocadio de Almeida Antunes, Itamar A. de Oliveira, Ligia Trein, Jose Gerci Machado, Lourdes Simonetti, Jorge Abdala, Luiz Antonio Bastos, Laboratorio Wesp, Luiz Carlos P. Zanetti, Lacesa S.A. Indústria de Alimentos, Luiz Midon, Luiz Coronel, Lavanderia Ideal, Lusográfica, Lavanderia Lava-Bem, Luiz Carlos Leão Dias, Luis Carlos Ferrari de Oliveira, Meias Lupo, Madeí S.A. Indústria e Comércio, Nelson José Pereira da Silva, Mauricio Rocha, Ney Floriano Faria Correa Filho, Melita do Brasil Indústria e Comércio, Mil Folhas Escritório de Papéis, O Boticário, Neugebauer, Osmar Chaves, Noronha Serigrafia, Pavioli, Objetiva Video, Piazzale Ristorante, Paulo Nunes, Rádio Farroupilha, Pedro Panceira, Rádios Charrua, Polícia Federal do RS, Renovadora de Pneus Alvorada, Rádio Imembuí, Restaurante Casa D'Italia, Ray Video Locadora, Restaurante Al Dente, Restaurante Birra & Pasta, Riocel, Restaurante Il Gattopardo, Rodrigo Lopes, Rio Sul, Sacaria Corleta, Rodoviário Michelon, Scavino Bertuzzi & Cia. Ltda., Rodrigo Pesavento, Sérgio Chaves, Sandra Pesavento, Sibras Laboratórios, Senac, Silvio Nobre, Shopping Iguatemi, Supry Tec, Silver Center, Telex-Press, Supermercado Perim, Teresita A. Lagrega de Felix, Syria Tecidos, Uni Copy, Tenis Clube Rio Branco, Varig, Termolar, Velasquez Comércio de Perucas Ltda., Valdimaqui, Victor Benitez, Vicente Martins Oliveira, Vitor Garcia de Lima, Vompar Coca-Cola, Yonc Pereira Nunes, Zanatta.

FILMAGENS
Brasil / RS, em
Uruguaiana, fronteira com a Argentina, a partir de 9 de maio de 1996;
Caçapava do Sul, 8 de junho a 1º de julho de 1996;
Cambará do Sul, no cânion do Itaimbezinho, no Parque Nacional de Aparados da Serra, julho de 1996.

ASPECTOS TÉCNICOS
Duração: 1:54:56 (DVD) / 1:55:37 (SulFlix, com cartelas iniciais adicionais com premiações e cartelas finais: remasterizado em 4k em 2017 / Post Frontier – Audiovideo intelligence)
Metragem:
Número de rolos:
Som: Dolby Digital 2.0
Imagem: cor
Proporção de tela
Formato de captação: 35 mm
Formatos de exibição: 35 mm
Tiragem (DVD): Não consta.
Legendas (DVD): Português, español, english, français.

DIVULGAÇÃO
Cartaz: 91,7 x 62,2. Pubblicità Sul. Fotolitos: Newpoint.
Pressbook: Roger Lerina, 24p., cor, em português, espanhol e em inglês.
Material gráfico: Nara Fogaça.
www.paginadogaucho.com.br/cine/anahy.htm

PREMIAÇÃO
• 30º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro 1997: melhor filme + roteiro + atriz (Esteves) + ator (Palmeira) + atriz coadjuvante (Paes) + direção de arte // Prêmio Saruê-Correio Braziliense para Araci Esteves + Prêmio Unesco + Prêmio Líder + melhor filme (júri popular).
• 2º Festival de Cinema do Recife 1998: melhor roteiro + atriz (Esteves).
• 4º Prêmio Avon Color de Maquiagem 1997: melhor maquiagem [categoria: cinema de longa e curta metragem].
• Prêmio APCA Associação Paulista de Críticos de Artes 1997: melhor atriz coadjuvante (Paes ex aequo Cláudia Abreu, por Ed Mort).
• 2nd Brazilian Film Festival of Miami 1998: melhor fotografia (Troféu Lente de Cristal).
• 13º Festival del Cinema Latino Americano di Trieste 1998: melhor atriz (Esteves).
• 3º Prêmio Guarani de Cinema Brasileiro [aos melhores de 1997] / Papo de Cinema: melhor atriz (Esteves); indicações: filme + direção + fotografia + figurino.

DISTRIBUIÇÃO
Classificação indicativa: 14 anos.
Distribuição (cinema): Severiano Ribeiro.
VHS: Distribuição: Barueri, SP: Consórcio Europa Severiano Ribeiro, 1998; capa reproduz cartaz.
DVD: Distribuição: Europa Filmes D021, 2000. Extras.
DVD disponível na Discoteca Pública Natho Henn (DVD563).

EXTRAS DVD
Making of Anahy de la Misiones. Identidades: Araci Esteves, Marcos Palmeira, Dira Paes, Sérgio Silva, Monica Schmiedt, Adrian Cooper, Gustavo Fernandez, Fernando Alves Pinto, Cláudio Gabriel, Matheus Nachtergaele, Ivo Cutzarida, Giovanna Gold, Luiz Fernando Pereira, Paulo José, Gisele Hiltl. Direção: Angela K. Pires, Fabio Lobanowsky. Operação de câmera: Fabio Lobanowsky. Edição: Angela K. Pires. Música: Carlos Badia. Edição de som: Carlos Couto. Produção de áudio: Sociedade Acústica. Editores: Walmor Martins, Cley Corrêa, Max Mariante, Lindolfo Müller. Finalização: João César Padilha Filho, Anselmo Silva, Caetano Abreu, Hamilton Fontes. / RBS Vídeo Produções. Departamento de telejornalismo da RBS TV: Roberto Appel, Celia Silva, Valdir Gonçalves, Cleomara Rosa, Roberto Soares, Waldoci Moreira. Agradecimento especial: Walmor Bergesch. Agradecimentos: Rose Sobucki, Gabriela Kessler. Companhia produtora: M. Schmiedt Produções (Porto Alegre). Duração: 19:36. Exibições: Porto Alegre (RS), Restaurante Birra & Pasta, 4 ago 1997. // TV Cultura, Revista do Cinema Brasileiro, 1997?. Londrina (PR), 2ª Mostra Londrina de Cinema, Mostra Paralela de Vídeos, 31 mar 2000.
• Sinopse / A lenda / Notas de produção / Atores / Equipe técnica / A crítica / Prêmios [telas com textos].
Trailer. Duração: 02:12.

OBSERVAÇÕES
Custo: R$ 2,3 milhões.
RS, estreia simultânea em 19 set 1997 em nove cidades
Os outros cinco filmes da Mostra Competitiva do Festival de Brasília, todos premiados, são:
Miramar (Julio Bressane): direção + fotografia (José Tadeu Ribeiro) + montagem (Virgínia Flores) + trilha sonora (Livio Tragtenberg) + melhor filme (crítica) + Prêmio Líder
Como ser solteiro (Rosane Svartman): prêmio especial do júri + ator (Ernesto Piccolo)
A Grande noitada (Denoy de Oliveira): ator coadjuvante (Augusto Pompeo) + menção especial (crítica)
O Cineasta da selva (Aurélio Michiles): melhor filme de diretor estreante + Prêmio Marco Antônio Guimarães-Centro de Pesquisadores do Cinema Brasileiro + Prêmio Unesco
Lua de outubro (Henrique de Freitas Lima): técnico de som (Ernesto Trujillo, Juarez Dagoberto)
Cf. créditos finais: // 1997 © M. Schmiedt Produções //

Grafias alternativas: Fábio Lobanowski | Henrique Montanari | Walter Shinke | Elsdor Ricardo Lenhart | Diego de Souza | Ângela Pires | Mauro Rebelo | Vilson Eschena (cf. créditos) | Estúdio JLS, nome fantasia de JLS Facilidades Sonoras | Giovani Nunes | Valdir Santos
Grafias alternativas (funções): Still | Direção de platô | Técnica de som (cf. créditos)

BIBLIOGRAFIA
ROSSINI, Miriam de Souza. Anahy de las Misiones (1997) – O cinema da retomada no Rio Grande do Sul. In: FEIX, Daniel; LUNARDELLI, Fatimarlei; PINTO, Ivonete; KANITZ, Mônica; VALLES, Rafael (org). 50 olhares da crítica sobre o cinema gaúcho. Porto Alegre: ACCIRS Associação de Críticos de Cinema do Rio Grande do Sul, Opinião Produtora, Diadorim Editora, JBL Harman, Pró-cultura / Secretaria de Estado da Cultura / Governo do Rio Grande do Sul, 2022. 226p. il., p.77-81.

Noticiário:
ALMEIDA, Carlos Helí de. Lenda inspira filme gaúcho. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 14 jun 1994, B, p.7 [BN, p.49], n.428.
MERTEN, Luiz Carlos. Anahy vai recuperar ideal farroupilha. O Estado de S. Paulo, São Paulo, 3 jul 1996, Caderno 2, p.12.
COUTO, José Geraldo. Anahy de las Misiones encerra festival. Folha de S. Paulo, São Paulo, 16 ago 1997, Ilustrada, p.6.
BUTCHER, Pedro. Cineastas gaúchos são prestigiados. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 16 ago 1997, B, p.2 [BN, p.30], ano CVII, n.130.
MARQUES, Cláudio. Anahy de las Misiones: um olhar antropológico sobre nós mesmos, evocado pela saga de uma mãe e quatro rebentos, em plena Revolução Farroupilha + Sérgio Silva... fala ao Coisa de Cinema. Coisa de Cinema, Brasília, set 1997, capa e p.7-9, n.4.
LUNARDELLI, Fatimarlei. Anahy de las Misiones estreia hoje – Longa-metragem gaúcho dirigido por Sérgio Silva é considerado o acontecimento da década. Pioneiro, Caxias do Sul, 19 set 1997, Sete Dias, p.1 [BN, p.19], ano 49, n.6.797.
Épico brasileiro chega ao Rio. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 15 nov 1997, p.23 [BN, p.26], ano CVII, n.221.
BUTCHER, Pedro. A Fernanda Montenegro do sul – O filme Anahy de las Misiones revela ao país o talento de Araci Esteves. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 28 nov 1997, B, p.5 [BN, p.44], ano CVII, n.234.
LERINA, Roger. Saga farrapa chega ao DVD: Anahy de las Misiones é o primeiro longa gaúcho no formato original. Zero Hora, Porto Alegre, 16 dez 2000, Segundo Caderno, p.7.

Crítica:
GOIDA. Mãe-coragem farroupilha. ABC Domingo, 21 set 1997; reproduzida em Nas primeiras fileiras, 1998, p.298.
GONZAGA, Luiz. Cinema gaúcho renasce com a matriarca Anahy. Diário de Canoas, Canoas, 23 set 1997, p.39.
BECKER, Tuio. Filme gaúcho encontra seu público. Zero Hora, Porto Alegre, 26 set 1997, Segundo Caderno, p.6; reproduzida em: HEFFNER, Hernani; AVELLAR, José Carlos (org). 45 Festival de Brasília do Cinema Brasileiro – Memória crítica. Brasília: Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, 2013. 347p., p.235-236
BUTCHER, Pedro. Mãe Coragem de bombacha. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 28 nov 1997, Programa, p.5 [BN, p.50], ano CVII, n.234.
ROSSINI, Miriam de Souza. Anahy de las Misiones e a identidade gaúcha. Teorema, Porto Alegre, jul 2003, p.27-30, n.3.

Exibições


• Gramado (RS), 25º Festival de Gramado – Cinema Latino e Brasileiro [8-16 ago]-Fora de concurso-Noite de encerramento, Palácio dos Festivais, 16 ago 1997, sab, 19h45

• Caxias do Sul (RS), GNC Shopping Iguatemi (RS-122) Sala 3,
7 set 1997, dom, 19h30 (pré-estreia e debate com atores Araci Esteves, Marcos Palmeira, Dira Paes + diretor + Gisele Hiltl)
19-25 set 1997, sex-ter, 15h, 17h15, 19h30, 21h45, qua, 14h30, 16h45, 19h30, 21h45, qui, 14h30, 16h45, 19h, 21h15
26 set-2 out 1997, sex-seg, 14h30, 16h45, 19h, 21h15, ter-qui, 14h30, 16h45, 19h30, 21h45
3-9 out 1997, sex-qui, 14h30, 16h45, 19h, 21h15

• Porto Alegre (RS), Shopping Iguatemi Sala 2, 19 set 1997, sex
• Porto Alegre (RS), Shopping Praia de Belas Sala 2, 19 set 1997, sex
• Porto Alegre (RS), Victoria, 19 set 1997, sex

• Canoas (RS), Multicine, 19 set 1997, sex

• Novo Hamburgo (RS), Novo Cine, 19 set 1997, sex

• São Leopoldo (RS), Sinos Sala 1, 19 set 1997, sex

• Santa Maria (RS), Big Shopping Sala 2, 19 set 1997, sex

• Passo Fundo (RS), Pampa, 19 set 1997, sex

• Caçapava do Sul (RS), Clube União, 19 set 1997, sex

• Uruguaiana (RS), Pampa, 19 set 1997, sex

• Rio de Janeiro (RJ), 9ª Mostra Rio [19-29 set]-Première Brasil,
Espaço Unibanco de Cinema Sala 1, 25 set 1997, qui, 21h30
Estação Botafogo Sala 1, 29 set 1997, seg, 19h

• Caxias do Sul (RS), GNC Shopping Iguatemi (RS-122) Sala 2, 10-19 out 1997, sex-qui, 16h45, 19h, 21h15

• Gramado (RS), Cine Embaixador, 10-12 out 1997, sex-dom, 20h30

• Cuiabá (MT), 5º Festival de Cinema e Vídeo-Fora de concurso, Teatro Universitário, 18 out 1997, sab

• São Paulo (SP), 21ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo [17-31 out], out 1997

• Carlos Barbosa (RS), Cine Ideale (R. Buarque de Macedo), 1º-3 nov 1997, sab-seg, 20h30

• Porto Alegre (RS), Cinemateca Paulo Amorim-Sala Norberto Lubisco,
7-9, 11-13 nov 1997, sex-dom, ter-qui
14-16, 18-20 nov 1997, sex-dom, ter-qui
21-23, 25-27 nov 1997, sex-dom, ter-qui
28-30 nov, 2-4 dez 1997, sex-dom, ter-qui
5-7, 9-11 dez 1997, sex-dom, ter-qui
12-14, 16-18 dez 1997, sex-dom, ter-qui
19-21 dez 1997, sex-dom

• Nova Petrópolis (RS), Cine-Bar (R. Duque de Caxias, 79), 15-19 nov 1997, sab-qua, 20h30

• Brasília (DF), 30º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro [23-30 nov]-Mostra Competitiva 35 mm,
Cine Brasília, 28 nov 1997, sex
Cine Ceilândia (Ceilândia), 29 nov 1997, sab
Cine Itapoã (Gama), 30 nov 1997, dom

• Rio de Janeiro (RJ), Espaço Unibanco de Cinema (R. Voluntários da Pátria, 35, Botafogo)
Sala 2 (228 lugares),
28 nov-4 dez 1997, sex-qui, 14h40, 16h50, 19h, 21h10
5-11 dez 1997, sex-qui, 17h20, 19h30, 21h40
12-18 dez 1997, sex-qui, 19h40, 21h50 (13 dez, sab, menos 21h50)
Sala 1 (267 lugares),
19-25 dez 1997, sex-qui, 19h40, 21h50 (20 dez, sab, menos 21h50)

• Torres (RS), Cine Ronda, 7, 8 jan 1998, qua, qui, 19h

• Budapest (HU), 1ª Semana do Cinema Brasileiro, 1998

• Miami, FL (US), 2nd Brazilian Film Festival, abr 1998

• Montevideo (UY), 16º Festival Cinematográfico Internacional del Uruguay, Cinemateca, 18, 19 abr 1998, sab, dom

• Porto Alegre (RS), Projeto Por volta do meio-dia, Cinemateca Paulo Amorim-Sala Eduardo Hirtz,
11-13, 15-17 set 1998, sex-dom, ter-qui, 10h30, 13h
18-20 set 1998, sex-dom, 10h30, 13h + 22-24 set, ter-qui, 11h, 13h
25-27, 29-30 set-1º out 1998, sex-dom, ter-qui, 11h, 13h

• Trieste (IT), 13º Festival del Cinema Latino Americano di Trieste, out 1998

• São Paulo (SP), Ciclo do renascimento, CINUSP Paulo Emilio, 15 jun 1999, ter

• Rio de Janeiro (RJ), Cinesul 6ª Mostra Latino-americana de Cinema [jun], CCBB Centro Cultural Banco do Brasil Sala de Cinema, 27 jun 1999, dom, 16h30

• Arambaré (RS), 9 fev 2000, qua

• Canal Brasil: ago? ou set? 2000, 1º jan 2001, seg

• Porto Alegre (RS), Cinemateca Paulo Amorim-Sala Eduardo Hirtz, 27-30 mar 2003, qui-dom

• Porto Alegre (RS), Maratona do cinema gaúcho – APTC 20 anos [1º-14 ago], Cine Santander Cultural, 14 ago 2005, dom, 19h

• Porto Alegre (RS), Mostra Especial DAD 50 anos [22 ago-4 set], Cine Santander Cultural, 2, 3 set 2007, dom, seg, 17h

• Porto Alegre (RS), Cinemateca Paulo Amorim-Sala Eduardo Hirtz, 27 mar 2008, qui

• Porto Alegre (RS), Cinemateca Paulo Amorim-Sala Norberto Lubisco, 20, 25 set 2008, qui

• Porto Alegre (RS), Especial Três vezes com Fernando Alves Pinto, Cinemateca Paulo Amorim-Sala Eduardo Hirtz, 6 ago 2022, sab, 19h (presença do ator)

• Porto Alegre (RS), Mostra Especial Primavera Gaúcha [21 set-13 out], Cinemateca Paulo Amorim-Sala Eduardo Hirtz, 21 set 2023, qui, 19h

Como citar o Portal


Para citar o Portal do Cinema Gaúcho como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo:
Anahy de las Misiones. In: PORTAL do Cinema Gaúcho. Porto Alegre: Cinemateca Paulo Amorim, 2024. Disponível em: https://cinematecapauloamorim.com.br//portaldocinemagaucho/318/anahy-de-las-misiones. Acesso em: 14 de abril de 2024.