Antes que o mundo acabe (2009)

BR (RS)
Longa-metragem | Ficção
35 mm, cor, 100 min

Direção: Ana Luiza Azevedo.
Companhia produtora: Casa de Cinema de Porto Alegre; Quanta

Primeira exibição: Paulínia (SP), 2º Festival Paulínia de Cinema [9-16 jul]-Mostra Competitiva Ficção, Theatro Municipal, 15 jul 2009, qua, 20h

 

Ana Luiza Azevedo acumulava ampla experiência como assistente de direção, roteirista, diretora de curtas, médias e especiais de televisão quando dirige seu primeiro longa-metragem, Antes que o mundo acabe, produzido pela Casa de Cinema de Porto Alegre, da qual é sócia com Giba Assis Brasil, Jorge Furtado e Nora Goulart. A produtora, criada em 1987 por um grupo de cineastas da geração dos anos 1980, passa a atuar politicamente e cria as condições para o desenvolvimento do cinema contemporâneo do Rio Grande do Sul. Uma das ações é a fundação em 1985 da APTC-RS Associação Profissional de Técnicos Cinematográficos do Rio Grande do Sul, da qual Ana Luiza foi presidente entre 1995 e 1997 com uma diretoria predominante de mulheres. Em seu percurso, ela dirigiu e roteirizou os curtas Dona Cristina perdeu a memória (2002) e 3 minutos (1999) e os documentários Ventre livre (1994) e O Grão da imagem – Vera Chaves Barcellos (2007). Além de assinar diversos especiais para a televisão, foi assistente de direção em Ilha das Flores (1989) e Tolerância (2000) e diretora assistente de O Homem que copiava (2003), Meu tio matou um cara (2005) e Sal de prata (2005). Com Jorge Furtado, codirigiu o curta Barbosa (1988), a série de TV Decamerão – A comédia do sexo (2009), o telefilme Doce de mãe (2012) e o documentário Quem é Primavera das Neves (2017).

A longa parceria com o amigo rendeu a ele uma homenagem em forma de citação cinematográfica. Com roteiro desenvolvido por Ana Luiza, Furtado, Paulo Halm e Giba Assis Brasil, montador do longa, Antes que o mundo acabe começa com um filme dentro do filme. Esta primeira sequência exibe um curta sobre a Tailândia narrado por Maria Clara, irmã do protagonista Daniel. No filmete, o discurso, a narrativa audiovisual, a montagem e a estética remetem ao ágil encadeamento de ideias, conceitos e colagens que marca Ilha das Flores. E o mais interessante: não apenas a Tailândia terá papel importante para a história de Daniel, como esse dispositivo cinematográfico narrativo explicará situações, emoções e proporá ligações entre muitos dos elementos da trama. De fato, boa parte da trajetória da cineasta permitiu a congregação de saberes e instrumentos necessários para realizar seu debute em longas. Antes que o mundo acabe, uma narrativa juvenil baseada em livro do escritor porto-alegrense Marcelo Carneiro da Cunha, é um dos pontos altos da filmografia da diretora.

A ficção gira em torno da amizade de Daniel (Pedro Tergolina), Mim (Bianca Menti) e Lucas (Eduardo Cardoso), que dividem as expectativas sobre o futuro no último ano do ensino médio. O filme aborda relações familiares, abandono, companheirismo, responsabilidade, disputa e aceitação tendo como pano de fundo o prazer e a insegurança das primeiras paixões. Pedro Tergolina, que havia estreado ainda criança no premiado curta-metragem Dona Cristina perdeu a memória, é o protagonista surpreendido por uma carta do pai que não conhece. Ele (Eduardo Moreira, ator do Grupo Galpão) é fotógrafo e vive no exterior. Em torno de sua atividade, o filme mostra uma história original que discute memória, ética, idealismo e compromisso social. O título do longa vem de seu projeto de fotografar pessoas, comunidades e tradições em vias de desaparecimento devido a guerras ou pelo contraditório avanço destruidor do progresso. No jogo de imagens entre a Tailândia, onde está o fotógrafo (e país-tema do curta-metragem que abre o longa), e a pequena Pedra Grande, no interior gaúcho, onde o garoto vive com a família, vai se estabelecendo o vínculo entre pai e filho. Sem que fosse necessário sair do estado, as imagens que ilustram a Ásia foram capturadas em arrozais na região do Vale do Paranhana, onde foram realizadas as filmagens, sobretudo nas cidades de Taquara e Rolante. A trilha sonora, com direção musical de Leo Henkin e edição de som de Tiago Bello, valoriza artistas locais. Canções de Apanhador Só, Pública e Os The Darma Lóvers ambientam muitas cenas. Exibido no 2º Festival Paulínia de Cinema (2009), Antes que o mundo acabe ganhou os prêmios de melhor direção, fotografia (Jacob Solitrenick), direção de arte (Fiapo Barth), figurino (Rosângela Cortinhas), trilha sonora (Leo Henkin), além do prêmio da crítica de melhor filme. Em 2010, foi escolhido o melhor filme juvenil (grande prêmio do júri) no 15. Schlingel-Internationales Filmfestival für Kinder und Junges Publikum. São reconhecimentos ao trabalho de profissionais cuja competência se deu pela continuidade da produção desde os anos 1980, todos reunidos sob o teto da Casa de Cinema de Porto Alegre.

Sinopse


Sinopse curta:
Daniel é um adolescente crescendo em seu pequeno mundo com problemas que lhe parecem insolúveis: como lidar com uma namorada que não sabe o que quer, como ajudar um amigo que está sendo acusado de roubo e como sair da pequena cidade onde vive. Tudo começa a mudar quando ele recebe uma carta do pai que ele nunca conheceu. Em meio a todas essas questões, ele será chamado a realizar suas  primeiras escolhas adultas e descobrir que o mundo é muito maior do que ele pensa.

Sinopse desenvolvida:
Em um quarto infantil, com o auxílio de um televisor de papelão, a menina Maria Clara conta uma história sobre a Tailândia em formato de curta-metragem. Com uma narrativa audiovisual cheia de colagens de fotografias e encadeamento de informações sobre problemas e curiosidades do país asiático, a garota faz uma ligação das coisas de lá com as coisas de sua vida, especialmente o irmão: diferentemente dos inteligentes elefantes tailandeses, seu irmão homo sapiens não sabe puxar a descarga do vaso sanitário. Em uma máquina de escrever, um homem escreve uma carta. Ele datilografa a palavra "Tailândia" seguida de um ponto de interrogação. O homem sela a carta e escreve o nome do destinatário: Daniel. Um menino andando de bicicleta com os amigos nas ruas da cidade agrícola de Pedra Grande. Alguém grita por ele: "Daniel, espera!". Daniel, Mim e o amigo Lucas seguem o passeio e chegam a um trecho de rio perto da cidade. Conversam sobre os desafios do futuro, os estudos em outra cidade, trabalho na capital, viagens ao exterior. Sonham em seguir juntos. Lucas volta para a cidade. Namorados, Daniel e Mim se banham no rio. Depois, ela diz a ele que quer dar um tempo na relação. Em casa, Elaine, mãe de Daniel, recebe uma carta. Fica surpresa com o remetente: Daniel Vaz, o pai de seu filho. Ela coloca a carta no lixo, mas seu marido a recolhe. Diz que Daniel tem o direito de ler, se quiser. Daniel retorna emburrado. Liga o computador para jogar e conversar com Lucas. Ele conta que Mim pediu um tempo. No dia seguinte, o padrasto de Daniel lhe entrega a carta. Ele observa o remetente, mas não abre. Diz que é engano e se retira da mesa. Elaine demonstra reprovação ao marido. Ele diz que o rapaz tem 15 anos, deve decidir por conta própria. Ela responde afirmando que "sim, já faz 15 anos", dando a entender que o pai de Daniel deixou a família desde então. Na aula de química, Mim e Lucas fazem um trabalho juntos e se divertem. Daniel percebe. Ele tenta se aproximar de Mim, que o repele. Ao final da aula, Lucas, monitor da turma, fica sozinho limpando o laboratório. Daniel retorna para pedir ajuda nos estudos e vê o amigo usando o telefone da sala. Lucas revela que tem um encontro marcado. Daniel se oferece para arrumar o ambiente. Selecionando o rediscar do telefone, Daniel descobre que Lucas falava com Mim, e que o amigo não lhe revelou isso. Descontrolado, Daniel quebra equipamentos do laboratório. No dia seguinte, o estrago é descoberto. Lucas é chamado pelo diretor. Daniel abre a carta enviada pelo pai. O homem conta que está na Tailândia, no meio da selva, fotografando pessoas e lugares para seu projeto "Antes que o mundo acabe". O pai diz que sofrer de malária o fez pensar na vida, "no que enquadrou, no que deixou de fora". Passou a pensar no filho, que não conhece, não sabe para quem torce, nem qual seu melhor amigo. No dia seguinte, Daniel vai à escola e assume para o diretor que destruiu os equipamentos do laboratório. Daniel fica sabendo que um notebook foi roubado e que a polícia vai investigar. Ele diz a Lucas que confessou a bagunça no laboratório, e que eles precisam descobrir quem é o ladrão. Lucas desconversa, diz que beijou Mim e que lutará por ela. Contrariado, Daniel entende. Ele recebe outras cartas enviadas pelo pai, sempre com muitas fotografias e histórias sobre o mundo. Mim e Daniel se reaproximam como amigos. O trio de adolescentes segue para Porto Alegre, onde Lucas deverá fazer uma prova para entrar em uma escola técnica. Daniel descobre mais sobre seu pai com um amigo dele. Antes de voltarem para Pedra Grande, Daniel descobre que Lucas e Mim passarão a noite na capital, na casa de uma prima dela. Desapontado, Daniel volta sozinho. Sofre a perda e toma um porre com os amigos. Daniel escreve para o pai. Digita várias perguntas no computador, mas deleta todas. Depois, questiona: "pai, por que...". Na Tailândia, Daniel, o pai, explica ao filho que não o abandonou, mas que optou por viajar o mundo para fotografar cenas de guerra e outras histórias inesquecíveis para a humanidade. Elaine, por sua vez, optou por ficar. Grávida, precisava de estabilidade. Os depoimentos de pai e mãe se intercalam e demonstram compreensão entre ambos. Daniel absorve as informações e compreende melhor a si mesmo. O garoto passa a fotografar a casa, família e amigos. Chamados à escola, ele e sua mãe precisam assinar um termo de compromisso sobre a destruição do laboratório e o sumiço de (agora) três notebooks. Daniel vai à casa de Lucas contar sobre o fato. Lucas não está e, em seu quarto, Daniel descobre um notebook no armário. Lucas chega e Daniel tira sua foto com o equipamento atrás do amigo. Na formatura dos estudantes, o diretor da escola homenageia Lucas, dizendo que sempre acreditou em sua honestidade. Daniel se retira da cerimônia. Mim corre atrás. Daniel questiona se ela sabia que Lucas havia pegado o notebook. Ela diz que sim. Daniel rasga a foto que mostra Lucas com o computador da escola. E recebe uma grande caixa pelo correio. Dentro, há um colete de fotógrafo e uma máquina fotográfica nova. Nela, há um vídeo do pai, Daniel, dizendo que o projeto "Antes que o mundo acabe" está chegando ao México. O pai convida o filho para fotografarem juntos nessa viagem.

Ficha técnica


ELENCO
Pedro Tergolina (Daniel),
Eduardo Cardoso (Lucas),
Bianca Menti (Mim),
Caroline Guedes (Maria Clara), Janaina Kremer (Elaine),
Eduardo Moreira (Daniel pai), Murilo Grossi (Antônio),
Irene Brietzke (Dona Glória), Carlos Cunha Filho (Padre Euzébio),
Mirna Spritzer (Professora), Sérgio Lulkin (Professor), Daniel Confortin (Monge), Samuel Reginatto (Beto), Guilherme Valim (Tijolo), Braian Correia Lopes (Cascão), Luiz Fernando Barão (Barão), Carolina Muller (Dona Preta), Lelo Almeida (Lelo).
Turma da escola: Barbara Weschenfelder, Bernardo Perin, Bruna Marques, Guilherme Michels, Jehan Vargas, Lucas, Luiz Eduardo Gil, Patrick Fagundes, Patrick Soares, Paula Porto, Daniel Brach, Dada, Mariana Muller.

DIREÇÃO
Direção: Ana Luiza Azevedo.
Assistência de direção: Janaína Fischer.
Segunda assistência de direção: Laura Mansur.
Continuidade: Guilherme Keenan.
Preparação de elenco: Ângela Gonzaga, Mirna Spritzer.

ROTEIRO
Do livro de Marcelo Carneiro da Cunha.
Roteiro: Paulo Halm, Ana Luiza Azevedo, Jorge Furtado, Giba Assis Brasil.
Colaboração no roteiro: Maria Clara Escobar.

PRODUÇÃO
Produção executiva: Nora Goulart, Luciana Tomasi.
Assistência de produção executiva: Flávia Matzenbacher.
Direção de produção: Nora Goulart.
Equipe de produção: Bel Merel, Beto Picasso.
Assistência de produção: Glauco Urbim.
Base (Taquara): Laura Dias.
Estagiária: Any Xavier.
Produção de elenco: Patrícia Faria [ou? Faraco], Sheila Amaral.
Testes de elenco: Cynthia Caprara.
Pesquisa de locação: Marco Bajotto, Betânia Furtado.

Produção de set: Marne Pereira, Marcelo Baieski Tchaca.
Alimentação: Jandira Ferri / Confeitaria San'Déa.
Motoristas: Cristiano Seabra, João Carlos Rodrigues, Leandro Mercanti, Luis Fernando Collar, Marçal de Oliveira, Marne Pereira, Mauro Rebello, Olavo Pinto de Carvalho, Paulo Roberto Silveira.

BASE Casa de Cinema de Porto Alegre
Financeiro: Laura De Castro, Anísio Guedes.
Assessoria jurídica: Regis Michaelsen Napoleão.
Segurança: Dragom's; SB Segurança de Eventos.

FOTOGRAFIA
Direção de fotografia: Jacob Solitrenick, ABC.
Primeira assistência de câmera: Carlão Firmino.
Segunda assistência de câmera: Glauco Firpo.
Operação de video assist: Eduardo Lopes.

Eletricista chefe: Guilherme Kroeff.
Eletricistas: Wolmar Wozniak Beck, Paulo Roberto Silveira, Marcos Alexandre da Silva.
Maquinista chefe: Everton Juba Machado.
Maquinista: Mauricio Leite.

Fotografia de cena: Fábio Del Re.
Making of: Marcio Schoenardie, Diego Martins.

ARTE
Direção de arte: Fiapo Barth.
Produção de arte: Pierre Rosa.
Assistência de produção de arte: Luciana Urbani.
Contrarregragem: Lelo Almeida.
Cenografia: Rita Faustini.
Cenotécnica: Marcos Antônio da Silva, Carlos Branquinho.

Desenhos praxinoscópio: Denny Chang.
Fotografias de Daniel pai: Ita Kirsch, Jailton Moreira, Agência Reuters.
Fotografias lambe-lambe: Varceli Freitas Filho.

Figurino: Rosângela Cortinhas.
Assistência de figurino: Claudia Velasco.

Maquiagem: Britney Federline.

SOM
Som direto: Rafael Rodrigues.
Microfonista: Douglas Vianna.

MÚSICA
Direção musical: Leo Henkin.
Músicos: Leo Henkin (violão, guitarra, bateria, teclados, samplers), Luciano Albo (baixo), Eduardo Bisogno (teclado), Everton Rodrigues (programação de samplers), Luiza Caspary (vocais).
Gravação da música: Tiago Bello.
Assistência de gravação: Bruno Mad.
Mixagem das músicas: Kiko Ferraz, Chrístian Vaisz.

Músicas:
• "Beat acelerado" (Yann Lao, Vicente França, Alec Haiat) por Luiza Caspary (voz). Arranjo: Leo Henkin // Editora: EMI Songs do Brasil
• "Vila do Meio Dia" (música, letra: Alexandre Kumpinski) por Apanhador Só
• "Senhor da dança" (Nenung) por Os The Darma Lóvers // Editora: Humaitá
• "Três Coroas" (Nenung) por Os The Darma Lóvers // Editora: Humaitá
• "Long plays" (Pedro Metz, João Amaro) por Pública

FINALIZAÇÃO
Montagem: Giba Assis Brasil.
Assistência de montagem: Lúcio Born.

Telecine offline: Laura Futuro.
Coordenação de finalização (São Paulo): Ewa Wawelberg.
Coordenação de efeitos visuais em computação gráfica: Alexandre Coimbra.

Animação abertura e encerramento: Otavio Feldens, Carlos Kulpa.
Créditos abertura: Otavio Feldens.
Game 3D: Carlos Kulpa, Tiago Medeiros, Gabriel Oliveira.
Efeitos/composição: Zé Castro, Otavio Feldens.
Coordenação: Mirela Cunha.
Assistência: Daniela Israel.
Animação digital: Estúdio Makako.
Animação: Mathias Dalcol Townsend, Bernardo Assis Brasil.

Supervisão de som: Kiko Ferraz.
Edição de ambientes: Ricardo Costa.
Foley: Felipe Burger Marques.
Gravação de foley: Alexandre Kumpinski, Augusto Stern.
Edição de foley: Fábio Sampaio.
Edição de som: Tiago Bello.
Assistência de edição de som: Chrístian Vaisz.
Coordenação de estúdio de som: Lísia Faccin.

Mixagem: Pedro Noizyman.
Consultor Dolby: Carlos Klachquin.
Masterização: José Luiz Sasso.
Gerência operacional: Daniel Sasso.

EQUIPE Teleimage
General manager: Patrick Siaretta
Direção comercial: Jerome Merle.
Atendimento comercial: Darcy Cunha.
Assistência comercial: Roberta Paulucci.
Supervisão de pós-produção e efeitos: Marcelo Siqueira, ABC.
Consultoria de pós-produção: Alex Pimentel.
Colorista: Marco Oliveira.
Coordenação de pós-produção: Karina Vanes, Mariana Zdravca.
Coordenação de efeitos: Robson Sartori.
Supervisão scan e film recorder: Ariel Wollinger.
Scan HD: Claudio Colangello.
Telecine offline: Luciano Martins, Regina Yokota.
Assistência de pós-produção: Celso Quartim De Blasiis, Elton Leandro, Fábio Cavalcante, Leandro Scorsafava, Raiser Vargas.
Efeitos digitais: Ariel Wollinger, Daniel T. Muller, Eduarda Domenici, Gabriel Lúcio, Marcelo Ferreira 'PJ', Marco Prado, Ricardo Imbelloni Vitor, Rogério Marinho, Vanessa Mariano.
Assistência de edição: Fábio Fatorelli, Gabriel Alves Lobato, João Nathan, Marcelo Fernandes, Nills Bonetti, Pedro Briquet.
Film recorder: Anderson F. Penci, Carlos Eduardo M. Couto, Ricardo Imbelloni Vitor.
Assistência film recorder: Washington Santos.
Supervisão de laboratório: José Augusto De Blasiis, ABC.
Preparação [separação de negativo]: Fernanda Rosa, Luciana Valério da Silva, Vera Lucia Machado.
Revelação: Antonio Firmino dos Santos, Emerson R. da Silva, Francisco Gomes, José Rivonaldo, José Valdo.
Responsável químico: Rinaldo PC.

EQUIPAMENTOS E SERVIÇOS
Película: Kodak Eastmancolor.
Câmera: Super-16 Aaton / Cine Pro Locações.
Câmera: ARRI 35-5 / Cameraman.
Iluminação: Quanta.
Montado digitalmente em: Final Cut Pro com Cinema Tools. Montado em 108 dias, de 27 de dezembro de 2007 a 11 de fevereiro de 2009, na Casa de Cinema de Porto Alegre (Porto Alegre).
Estúdios de efeitos e computação gráfica: Cápsula Cinematográfica (Porto Alegre); Estúdio Makako.
Estúdio de efeitos visuais em computação gráfica: Cápsula Cinematográfica (Porto Alegre).
Estúdio de gravação da música e edição de som: Kiko Ferraz Studios (Porto Alegre).
Estúdios de dublagem: Kiko Ferraz Studios (Porto Alegre); Estúdios Mega (Rio de Janeiro); Casablanca Sound (São Paulo); Audio Fidelity Produções (Brasília).
Estúdio de mixagem: JLS Facilidades Sonoras (São Paulo). Mixagem de 6 a 8 de junho de 2009.
Estúdio de intermediação digital HD e finalização de imagem: Teleimage (São Paulo).
Laboratório de copiagem: Cinecolor Brasil.
Correio expresso: Pollo Transportes.

MECANISMOS DE FINANCIAMENTO
Companhia produtora: Casa de Cinema de Porto Alegre (Porto Alegre).
Produção associada: Quanta.
Captação de recursos: através das seguintes leis:
Lei do Audiovisual Lei nº 8.685/93 / ANCINE Agência Nacional do Cinema / MinC Ministério da Cultura;
Lei de Incentivo à Cultura Lei nº 8.313/91 (Lei Rouanet) / ANCINE Agência Nacional do Cinema / MinC Ministério da Cultura.
Patrocínio: BR Petrobras [Este filme foi selecionado pelo Programa Petrobras Cultural].
Patrocínio: BNDES / MinC Ministério da Cultura / Governo Federal – Brasil – Um país de todos; Banrisul S.A. Corretora de Valores Mobiliários e Câmbio; COPESUL Companhia Petroquímica do Sul / Braskem; Banrisul Armazéns Gerais S.A.; Banrisul S.A. Administradora de Consórcios; Pilla Corretora; Eny Calçados; Orquídea; Corretora Geral; Cemar.
Apoio: ANCINE Agência Nacional do Cinema.
Projeto apoiado com recursos do Prêmio Adicional de Renda 2008.

Participação em fase de pré-produção:
• O roteiro deste filme participou do Laboratório Sesc Rio de Roteiros para Cinema [Rio de Janeiro, Sesc Nogueira, 14-18 mar 2006].

AGRADECIMENTOS
Agradecimentos (Taquara): Prefeitura Municipal de Taquara, Secretaria Municipal de Cultura, Adão Wust, Antonio Wust, Cesar Freiberger, Daniel Confortin, Dé Freiberger, Elisabeth Sauer, Eric Peixoto, Henrique Peixoto, Ione Batista, Lucas Rosa, Luis Carlos Sauer, Marjana Rosa, Nuna, Ramiro Gonzaga Barros, Regina Valentine, Tiago Rosa, Centro de Ensino Médio Dorothea Schäfke, CIMOL, Escola Técnia Estadual Monteiro Lobato, Colégio Municipal Teóphilo Sauer, Colégio Santa Teresinha, Escola Adventista Ricardo Olm, Grupo Escolar Rodolfo von Ihering, Escola Estadual de Ensino Médio Felipe Marx.
Agradecimentos (Santo Antônio da Patrulha): Tânia e Francisco Selistre, Prefeitura Municipal de Santo Antônio da Patrulha, Escola Estadual Urbana do Espírito Santo, Colégio Santa Teresinha.
Agradecimentos (Rolante): Prefeitura Municipal de Rolante, Mosquito (Secretaria de Cultura e Turismo).
Agradecimentos (Caxias do Sul): Coza Utilidades Plásticas.
Agradecimentos (Porto Alegre): Casa de Cultura Mario Quintana, ECT Correios.
Agradecimentos do figurino: Bordados Taquara, Brechó Versátile, Estúdio Mutante, Lavanderia Golfinho, Pink Sport, Quincy Store, Tok.
Agradecimentos pela colaboração e leitura do roteiro: Alice Meditsch, Aline Jones, Antônio Assis Brasil, Diogo Zanella, Guilherme Blumberg, Júlia Assis Brasil, Laura Galli, Leo Azevedo, Leo Assis Brasil, Luciana Velho, Luis Herique Santos, Maria Eduarda V. Cunha, Natália Blumberg, Pedro Borba, Rodrigo Malamute, Teresa Assis Brasil.

FILMAGENS
Brasil / RS, em Santo Antônio da Patrulha, em lugares como Colégio Santa Teresinha, av. Borges de Medeiros; Taquara; Rolante, em Riozinho (Tailândia, na diegese do filme); Porto Alegre, em lugares como: Casa de Cultura Mario Quintana, Rua dos Andradas.
Período: 30 de outubro a 2 de dezembro de 2007.

ASPECTOS TÉCNICOS
Duração: 1:39:52 (DVD)
Metragem:
Número de rolos:
Som: óptico Dolby SR / Dolby Digital 5.1 – em salas equipadas
Imagem: cor
Proporção de tela: 1.85
Formato de captação: 35 mm
Formato de exibição: 35 mm
Tiragem (DVD): Não consta
Legendas (DVD): Português (SDH), español, english, français.
Acessibilidade disponível: AD Audiodescrição.

DIVULGAÇÃO
www.casacinepoa.com.br

PREMIAÇÃO
• 2º Festival Paulínia de Cinema 2009: melhor direção + fotografia + direção de arte + figurino + trilha sonora // melhor filme (crítica).
• 33ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo 2009: melhor filme brasileiro (Prêmio Itamaraty).
• Divercine 19º Festival Internacional de Cine para Niños y Jóvenes 2010: melhor longa de ficção (Grande Premio "Guri") + melhor opera prima (filme de diretor estreante) // Prêmio SIGNIS (júri especial).
• 15. Schlingel-Internationales Filmfestival für Kinder und Junges Publikum, Chemnitz 2010: melhor filme juvenil (grande prêmio do júri).
• Prêmio APCA Associação Paulista de Críticos de Artes 2010: melhor filme.
• Cinecita 2º Festival Internacional de Cine y Televisión Infantil y Juvenil, Bogotá 2012: melhor longa-metragem juvenil.
• 4º Prêmio ACCIRS Associação de Críticos de Cinema do Rio Grande do Sul 2010: Prêmio Luiz César Cozzatti – Destaque Gaúcho.
• 16º Prêmio Guarani de Cinema Brasileiro [aos melhores de 2010] / Papo de Cinema: indicações: filme + direção + roteiro adaptado + fotografia + trilha sonora + som + revelação (Tergolina) + elenco.

DISTRIBUIÇÃO
Classificação indicativa: 10 anos.
DVD: Distribuição: Imagem Filmes 103.176. Autoração: 2 dez 2010. Extras.
Contato: Casa de Cinema de Porto Alegre.

EXTRAS DVD
Trailer. Duração: 02:02.
Erros de filmagem. Primeiro dia de filmagem, 30 out 2007. Último dia de filmagem, 2 dez 2007. Duração: 05:33.
Trailer: Brasil animado.

OBSERVAÇÕES
Complementação aos créditos: www.casacinepoa.com.br
Cf. créditos finais: // Casa de Cinema de Porto Alegre, 2009 //
Público: 26.868. Renda: R$ 202.557,67.

Grafias alternativas: Patrícia Faria (iniciais) e Patrícia Faraco (finais) | Luz Eduardo Gil | Yann | Alec | Volmar Beck | Britney | Laura Enrich [= Laura De Castro] | Régis Napoleão | Marcelo Tchaca | Bruno Croda [= Bruno Mad] | Carlos Eduardo Couto | Antonio Firmino | Luciana Valério | Emerson Roberto da Silva | Carlos F. Branquinho | Carlos Cunha | Cacá Velasco | Anísio Costa Guedes | Pierre Olivé | Marcos da Silva | Olavo de Carvalho | Banrisul Corretora de Valores | Banrisul Armazéns Gerais | Banrisul Consórcio | Estúdio JLS, nome fantasia de JLS Facilidades Sonoras | Cinecolor do Brasil Ltda. | Varceli de Freitas Filho
Grafias alternativas (funções): Artista de foley | Técnico de som (i) e Som direto (f)

BIBLIOGRAFIA
AZEVEDO, Ana Luiza. Antes que o mundo acabe. São Paulo: Imprensa Oficial, 2010. 222p. (Coleção Aplauso Cinema Brasil) Roteiro de filmagem do filme de Ana Luiza Azevedo. Inclui texto de apresentação de Marcelo Carneiro da Cunha; de texto montado a partir de depoimentos de Giba Assis Brasil Ana Luiza Azevedo, Jorge Furtado e Paulo Halm; ficha técnica; cartaz e fotos de cena.

AQUINO, Cristiano Mentz. Antes que o mundo acabe (2009) – Antes que o cinema acabe. In: FEIX, Daniel; LUNARDELLI, Fatimarlei; PINTO, Ivonete; KANITZ, Mônica; VALLES, Rafael (org). 50 olhares da crítica sobre o cinema gaúcho. Porto Alegre: ACCIRS Associação de Críticos de Cinema do Rio Grande do Sul, Opinião Produtora, Diadorim Editora, JBL Harman, Pró-cultura / Secretaria de Estado da Cultura / Governo do Rio Grande do Sul, 2022. 226p. il., p.115-118.

Exibições


• Paulínia (SP), 2º Festival Paulínia de Cinema [9-16 jul]-Mostra Competitiva Ficção, Theatro Municipal, 15 jul 2009, qua, 20h

• Rio de Janeiro (RJ), 11º Festival do Rio [24 set-8 out]-Première Brasil: Hors concours Longa-metragem,
Cine Odeon Petrobras, 3 out 2009, sab, 19h
Estação Vivo Gávea Sala 3, 5 out, seg, 13h20, 20h

• São Paulo (SP), 33ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo [23 out-5 nov]-Mostra Brasil Perspectiva, 2009
CineSesc (R. Augusta, 2.075, Cerqueira César), 31 out 2009, sab, 21h40 (debate)
Unibanco Arteplex Sala 2, 1º nov 2009, dom, 20h
Espaço Unibanco Pompeia Sala 10, 2 nov 2009, seg, 16h10
Unibanco Arteplex Sala 3, 3 nov 2009, ter, 15h20

• Porto Alegre (RS), Unibanco Arteplex Bourbon Shopping Country,
Sala 5,
14-20 maio 2010, sex, 13h10, 15h20, 17h30, 19h40, 21h50, sab, 13h10, 15h20, 17h30, 19h40, 21h50, 24h, dom-qui, 13h10, 15h20, 17h30, 19h40, 21h50 (estreia)
Sala 8,
21-27 maio 2010, sex-qui, 13h40, 15h50, 19h40, 21h50
25 jun-1º jul 2010, sex-qui, 14h, 16h, 20h
9-15 jul 2010, sex-qui, 14h, 16h, 20h
23-29 jul 2010, sex, 14h, 16h, 20h, sab, 14h, 16h, dom-qui, 14h, 16h, 20h
13-19 ago 2010, sex-qui, 14h
Sala 2,
4-10 jun 2010, sex-qui, 14h, 22h
6-12 ago 2010, sex-qui, 13h

• Ouro Preto (MG), CineOP 5ª Mostra de Cinema de Ouro Preto [17-22 jun]-Longa Cine Escola, Cine Vila Rica, 21 jun 2010, seg, 14h (presença da diretora)

• São Paulo (SP), 20 ago 2010, sex (estreia)

• Montevideo (UY), Divercine 19º Festival Internacional de Cine para Niños y Jóvenes-Largometrajes en concurso, Auditorio Nelly Goitiño-Sala Héctor Tosar del SODRE, 2 set 2010, qui

• Novo Hamburgo (RS), Cinespaço Bourbon Shopping (Av. Nações Unidas, 2.001, 3º piso) Sala 2, 3-9 set 2010, sex-qui, 14h20, 18h

• Chemnitz (DE), 15. Schlingel-Internationales Filmfestival für Kinder und Junges Publikum, out 2010

• Porto Alegre (RS), Sessão CineMaterna, Unibanco Arteplex Bourbon Shopping Country Sala 2, 22 nov 2010, seg, 14h30

• São Paulo (SP), 11ª Retrospectiva do Cinema Brasileiro [3-30 dez], CineSesc, 4 dez 2010, sab, 16h + 13 dez, seg, 20h

• Santo Antônio da Patrulha (RS), Teatro Paulo Autran-Espaço Cultural Qorpo Santo, 19 maio 2011, qui, 14h, 19h (parceria entre o projeto RodaCine e a Secretaria da Cultura, Turismo e Esportes)

• Bagé (RS), 3º Festival Internacional de Cinema da Fronteira [10-17 dez], Centro Histórico Vila de Santa Thereza-Teatro Santo Antônio (Av. Visconde Ribeiro de Magalhães), 11 dez 2011, dom, 14h

• Bogotá (CO), Cinecita 2º Festival Internacional de Cine y Televisión Infantil y Juvenil, maio 2012

• Rio de Janeiro (RJ), MOPA Mostra Polo Audiovisual RS [19 nov-1º dez], CCBB Centro Cultural Banco do Brasil, 28 nov 2014, sex, 15h

• Porto Alegre (RS), MOPA Mostra Polo Audiovisual RS [4-10 dez], Cinespaço Bourbon Shopping Wallig, 10 dez 2014, qua, 14h

• Porto Alegre (RS), Sessão Vagalume, Cinemateca Capitólio, 3, 4 dez 2022, sab, dom, 15h

• Brasília (DF), Expotchê 30 anos [2-11 jun] / Pré-lançamento Mostra Especial Primavera Gaúcha, Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade, 3, 8 jun 2023, sab, 20h, qui, 19h + 11 jun, dom, 14h

• Porto Alegre (RS), Mostra Especial Primavera Gaúcha [21 set-13 out], Cinemateca Paulo Amorim-Sala Eduardo Hirtz, 24 set 2023, dom, 19h (debate com diretora + montador G. Assis Brasil, mediação: G. Póvoas)

Como citar o Portal


Para citar o Portal do Cinema Gaúcho como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo:
Antes que o mundo acabe. In: PORTAL do Cinema Gaúcho. Porto Alegre: Cinemateca Paulo Amorim, 2024. Disponível em: https://cinematecapauloamorim.com.br//portaldocinemagaucho/596/antes-que-o-mundo-acabe. Acesso em: 22 de fevereiro de 2024.