Terráqueos – Vestígios de uma era digital (2014)

Brasil (RS)
Longa-metragem | Não ficção
cor, 81 min

Direção: Frederico Ruas.
Companhia produtora: Anti Filmes

Primeira exibição: Porto Alegre (RS), Sala P. F. Gastal, 26 mar 2014, qua, 20h (lançamento)

 

Obra audiovisual construída integralmente por material encontrado na internet. Terráqueos – Vestígios de uma era digital é um caleidoscópio humano, retrato de uma civilização onde todos são, ao mesmo tempo, produtores e receptores de conteúdo. As redes estão modificando a forma das pessoas se expressarem e se relacionarem com o mundo – de modo cada vez mais rápido e imprevisível. Essas mudanças são mostradas através de 365 vídeos, editados em 81 minutos que misturam diferentes linguagens, paisagens e modos de vida. O filme foi feito inteiramente pela seleção de conteúdo disponibilizado na web, através do selo Creative Commons, que permite a livre reutilização de ideias sem a necessidade de autorização prévia ou pagamento de royalties. O projeto, premiado em festivais pela sua montagem, é dedicado a todos os arqueologistas do futuro, estejam elas na Terra ou em outros planetas. O financiamento se deu através do Edital SEDAC nº 02/2012, que concedeu a quantia de R$ 20 mil, em segunda chamada, ao proponente Frederico Ruas. Um dos sócios da Anti Filmes, ao lado de nomes como Zeca Brito e Lufe Bollini, Ruas dirigiu curtas, clipes e séries – como Paralelo 30 (2019), exibida no canal a cabo Prime Box Brazil.

Sinopse


This film was entirely built upon internet researched material.

Ficha técnica


DIREÇÃO
Direção: Frederico Ruas.
Colaboração criativa: André da Rocha, Antonio de Paula, Calvin Furtado, Carla Cassapo, Chana de Moura, Clarice Passos, Davi de Oliveira Pinheiro, João Kowacs, Leo Garcia, Lufe Bollini, Matheus Walter, Pedro Guindani, Tuane Eggers, Virginia Simone, Zeca Brito.

ROTEIRO
Pesquisa e roteiro: Frederico Ruas.

PRODUÇÃO
Produção: Pedro Guindani.
Assistência de produção: Gabriela Amadori.
Contabilidade: Brutto e Newton Fischer.
Anti Filmes (sócios): Zeca Brito, Lufe Bollini, Frederico Ruas.

MÚSICA
Trilhas: Gustavo Foppa.

Músicas:
• "CCmixter.org" by Nitropox@CCmixter // 2008 – Licensed under Creative Commons Attribution Noncommercial (3.0) / ccmixter.org/files/Mixro/16474
• "Desert rose" by RubXProject // 2010 – Licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 Unported / www.tribeofnoise.com/viewMusic.php?fileID=13130
• "Overture to Tannhauser" (Richard Wagner) by United States Marine Band // Public Domain Mark 1.0 / musopen.org/music/489/richard-wagner/overture-to-tannhauser/
• "Perpetual motion" [instrumental] by destinazione_altrove // 2013 – Licensed under Creative Commons Attribution (3.0) / ccmixter.org/files/destinazione_altrove/42765
• "Romeo e Giulietta, Ouverture Fantasia da Shakespeare" (Pyotr Ilyich Tchaikovsky) by NBC Symphony Orchestra, 1953 // Edizione LiberMusica: 24 giugno 2008 (Marco Calvo, Dario Giannozzi) / Licensed Under Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 2.5 Generic / www.liberliber.it/musica/c/cajkovskij/index.php

ARQUIVO
[lista gigantesca]

FINALIZAÇÃO
Montagem: Frederico Ruas.
Desenho de som: Gustavo Foppa.

MECANISMOS DE FINANCIAMENTO
Companhia produtora: Anti Filmes (Porto Alegre).
Financiamento (BR/RS): Edital SEDAC nº 02/2012: Desenvolvimento da Economia da Cultura – Sociedade Civil – Apoio à Criação e Produção. Pró-cultura RS Lei nº 13.490/2010 FAC Fundo de Apoio à Cultura. Realização: SEDAC Secretaria de Estado da Cultura, por intermédio da Diretoria da Economia da Cultura / Governo do Rio Grande do Sul. Proponente: Frederico Augusto Ruas dos Santos. Valor: R$ 20.000,00; contemplado em 2ª chamada, com o título de: Como vivem os terráqueos.

AGRADECIMENTOS
Agradecimentos especiais: André da Rocha, Antonio de Paula, Begahir Machado Amaral, Calvin Furtado, Carla Cassapo, Carla Ruas, Chana de Moura, Clarice Passos, Davi de Oliveira Pinheiro, Elton Augusto dos Santos, Eugénie Straumann, Fernanda Evangelista, Gabriela Ruas, Gustavo Foppa, Inara Beatriz Amaral Ruas, João Kowacs, Leo Garcia, Lufe Bollini, Matheus Walter, Natália Koren, Paz Catanzaro, Pedro Guindani, Rafael Ferretti, Renata Polli, Tuane Eggers, Vini Fontoura, Virginia Simone, Zeca Brito.

Dedicatória: It is dedicated to archaeologists from the future and other planets.

ASPECTOS TÉCNICOS
Duração: 81 min
Som:
Imagem: cor
Proporção de tela:
Formato de captação:
Formato de exibição:

DIVULGAÇÃO
Website: Eduardo Soller.
Letterings e design gráfico: Gustavo Foppa.
Vídeos de divulgação: Lufe Bollini.
Assessoria de imprensa: Calvin Furtado.

PREMIAÇÃO
• 5th Mongolia International Film Festival: best documentary film.
• 2nd Noida International Film Festival (India): best editing.
• Documentary & Short International Movie Award 2015 (Indonesia): Gold Award (editing) + Gold Award (editor – newcomer documentary).

DISTRIBUIÇÃO
Classificação indicativa: 18 anos.
Contato:

OBSERVAÇÕES
Cf. créditos finais: // Terraqueos – Remains of a digital age. (CC) Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International. Porto Alegre, Brazil, Planet Earth. 2014. //

O filme foi feito pela seleção de vídeos disponibilizados na internet, através do selo Creative Commons, que permite a livre reutilização de conteúdo sem a necessidade de autorização prévia ou pagamento de royalties.

Títulos alternativos: Terraqueos – Remains of a digital age
Grafias alternativas: Fischer | Frederico Ruas e Frederico R. 
Grafias alternativas (funções): Conception, research, editing | Creative collaboration | Sound design | Producer | Production assistant | Anti Filmes associates | Special thanks (cf. créditos)

Exibições


• Porto Alegre (RS), Sala P. F. Gastal, 26 mar 2014, qua, 20h (lançamento)

• Porto Alegre (RS), Sala Redenção, 9 maio 2014, sex, 19h (seminário e debate com diretor, dra. Maria Amelia Bulhões (online diretamente da Inglaterra) e M. Mello, mediação: professora dra. Laura Castilhos)

• Seoul (Coreia do Sul), 14th NeMaf Seoul International NewMedia Festival [7-15 ago], Theatre Sanwoolim, 12 ago 2014, ter, 20h + Media Theater iGon, 14 ago, qui

• 5ª edição do Mongolia International Film Festival

• Bogotá (CO), BOGOCINE 31º Festival de Cine de Bogotá [22-30 out]-Competéncia Documental Social, Teatro Royal Films Sala 5, 27 out 2014, seg, 20h30

• Noida (IN), 2nd NIFF Noida Internacional Film Festival, fev 2015

• Barranquilla (CO), FICBAQ Festival Internacional de Cine Barranquilla [20-28 mar], Teatro Consuegra Higgins, 22 mar 2015, dom, 14h30

 • São Luís (MA), PraCine 10ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia [19-25 out], Praça Maria Aragão, 23 out 2015, sex, 19h30

• Porto Alegre (RS), Mostra Pró-cultura RS [13-19 jul], Cinemateca Capitólio, 18 jul 2017, ter, 20h (debate com crítica Fatimarlei Lunardelli e diretor)

Como citar o Portal


Para citar o Portal do Cinema Gaúcho como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo:
Terráqueos – Vestígios de uma era digital. In: PORTAL do Cinema Gaúcho. Porto Alegre: Cinemateca Paulo Amorim, 2024. Disponível em: https://cinematecapauloamorim.com.br//portaldocinemagaucho/935/terraqueos-vestigios-de-uma-era-digital. Acesso em: 18 de abril de 2024.